Publicidade

AUTOMÓVEIS

Suzuki Jimny Sierra completa 53 anos

16 de setembro de 2023 às 09:24
Publicidade

A linha Suzuki Jimny Sierra completa, em 2023, 53 anos de trajetória. Poucos modelos na história da indústria automobilística mundial construíram um caminho de tanto sucesso ao longo dessas mais de cinco décadas. Atualmente, ele é um dos veículos preferidos, tanto entre aqueles que adotam um estilo de vida 4×4 e optam por um modelo que os leve onde poucos conseguem quanto para os que circulam nas grandes metrópoles, mas não querem se preocupar com os buracos, lombadas e asfalto ruim presentes em grande parte das vias brasileiras.

Em meados da década de 60, não muitos anos depois de ter sido praticamente destruído durante a 2ª Guerra Mundial, o Japão ainda tinha uma economia predominantemente rural, especialmente com base na produção e exportação de arroz e, ao mesmo tempo, passava pelo chamado “Milagre Econômico Japonês”, um período de grande desenvolvimento industrial que moldou a economia do país como a conhecemos hoje.

Foi nesse cenário que, em 1965, a pequena empresa Hope Motor Company desenvolveu o projeto de sigla ON360, que consistia em um veículo utilitário robusto com tração 4×4, dimensões compactas e mecânica extremamente confiável. Essas características tornavam o modelo ideal para o trabalho no campo e, ao mesmo tempo, perfeito para as vias estreitas e já lotadas das grandes metrópoles japonesas como Tóquio.

Essa primeira versão era equipada com um motor Mitsubishi ME24D, o mesmo que equipava o Mitsubishi Minica de 1964. Ele possuía dois cilindros em linha e desenvolvia 21cv de potência a 5.500 rotações. Naquele mesmo ano, a Hope Motor foi comprada pela Suzuki e o projeto foi a base para o Jimny, apresentado pouco tempo depois, em 1970.

 

HopeStar ON360 de 1965

E foi em 1970 que o projeto foi aprimorado e apresentado pela primeira vez ao público com o nome de Jimny 360. Ele já era equipado com motor Suzuki a gasolina de dois cilindros em linha, 25cv de potência e torque de 33,4 Nm a 3.500 rotações.

 

Suzuki Jimny de 1970

O modelo foi o primeiro Suzuki com tração 4×4 produzido e também o primeiro com essa tração a ser produzido em massa pelo Japão.

Em pouco tempo, o modelo conquistou o mundo. Sua robustez, aliada a um motor compacto de 1.5 litro e eficiente do ponto de vista de consumo de combustível e de alta confiabilidade – não são raros os casos de Jimny com mais de 500 mil quilômetros rodados em perfeito estado de uso – são características muito positivas, além de suas dimensões compactas que o tornam excelente para o uso off-road e para as grandes cidades, já que ele é extremamente ágil e fácil de manobrar.

Por vantagens como essa, a linha Jimny é, atualmente, um dos poucos modelos da atualidade a ser comercializado em mais de 190 países e em todos os continentes.

 

Quatro gerações

Desde seu lançamento, em 1970, até hoje, a linha Suzuki Jimny já está na sua quarta geração. Comercializada no mercado brasileiro como Jimny Sierra, o modelo traz uma série de características que o tornam uma das melhores – senão a melhor – opção dentro de seu segmento.

 

Fotos: Divulgação

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE