Informe da redação do dia 19 de dezembro de 2018

Paranhos levado a hospital

O prefeito Leonaldo Paranhos foi a Curitiba prestigiar a diplomação do governador eleito Ratinho Junior, mas teve um mal-estar na manhã de ontem. Com falta de ar e perda da visão, Paranhos buscou auxílio em uma farmácia, foi socorrido pelo Samu que o levou ao Hospital da Cruz Vermelha. Diagnóstico preliminar divulgado pela prefeitura informava que Paranhos teve uma crise aguda de ansiedade em decorrência de estafa física. Os resultados dos exames realizados no hospital apontaram níveis normais, mas Paranhos ficou em observação à tarde quando foi submetido a um teste de resistência. Há alguns anos Paranhos teve uma crise de pânico durante um voo, quando revelou que tinha dado início a um tratamento para a síndrome de pânico.

brde2

Câmara de Palotina

O vereador Sansão Pinheiro (PTB) será o novo presidente da Câmara de Vereadores de Palotina. Também foram eleitos Gilmar Hinkel (MDB), como vice-presidente; Elias Naor Schlosser (MDB), como primeiro-secretário; e Enio Moesch (PSDB), como segundo secretário.

Câmara de Foz

Em Foz do Iguaçu, a Câmara elegeu o vereador Beni Rodrigues (PSB), que está no quarto mandato, para a presidência da Casa até dezembro de 2020. A chapa “Amor por Foz” é formada ainda por Nanci Rafagnin Andreola (PDT) como vice-presidente; João Miranda (PSD) como segundo vice-presidente; Rosane Bonho (PP) e Edson Narizão (PTB) como segundo secretários.

Câmara de Assis

Já em Assis Chateaubriand, o novo presidente da Câmara Municipal é o vereador Odilo Denig, eleito segunda-feira para assumir a principal cadeira do Legislativo no biênio 2019-2020. A nova Mesa Diretora terá Osmar Rinki na vice-presidência, Mauro Adriano como primeiro-secretário; e Lúcia do Couto como segunda secretária.

Pedágios

O TRF4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região) decidiu ontem conceder parcialmente o pedido de suspensão de decisão liminar e liberou o bloqueio cautelar de R$ 1.058.519.846,22 das contas bancárias da Econorte, mas manteve a abertura das cancelas da praça de pedágio de Jacarezinho, a vedação da cobrança de tarifas no local e a redução em 26,75% do preço do pedágio praticado nas praças de arrecadação da Econorte na região.

IPVA mais barato

Os proprietários de veículos usados emplacados no Paraná pagarão, em média, 3,8% a menos de IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) de 2019. Uma pesquisa de mercado realizada pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), que referencia o cálculo do imposto, apontou a desvalorização.

Auxílio-moradia I

Sem discussão nem argumentos muito menos aqueles votos de horas, o CNJ (Conselho Nacional de Justiça) aprovou ontem, por unanimidade, em segundos, nova resolução para regulamentar o pagamento de auxílio-moradia aos magistrados brasileiros, no valor máximo de R$ 4.377,73.

Auxílio-moradia II

A norma tem validade a partir de janeiro de 2019, mesmo mês em que os magistrados brasileiros devem receber o aumento de 16,38% nos salários. A resolução prevê cinco critérios que devem ser atendidos para que o magistrado federal ou estadual tenha direito ao auxílio.

Critérios

Os critérios são: que não haja imóvel funcional disponível; que cônjuge ou qualquer pessoa que resida com o magistrado não ocupe imóvel funcional; que o magistrado ou cônjuge não possua imóvel próprio na comarca; que o magistrado esteja exercendo suas funções em comarca diversa do que a sua original; que o dinheiro seja gasto exclusivamente com moradia.

De carona

De carona no CNJ, o CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) aprovou resolução idêntica para regulamentar o pagamento de auxílio-moradia a procuradores da República. Está tudo certo. É o contribuinte quem vai pagar a conta.

JK

Receba as principais notícias através do WhatsApp

ENTRAR NO GRUPO

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp. Ao entrar seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.


Fale com a Redação