Prestação de contas

Na próxima terça-feira (23), às 7h30, a Acimacar (Associação Comercial e Empresarial de Marechal Cândido Rondon) realiza reunião para prestação de contas e apresentação de relatórios de atividades referentes aos meses abril a setembro de 2018. Por ser uma entidade representativa da classe empresarial local com mais de 1.700 associados, a intenção da prestação de contas é manter a transparência.

Cassada cassação

A Justiça derrubou a decisão que cassou o mandato do presidente da Câmara de Cafelândia, Rodrigo Jair Diefenthaler. A sessão que cassou o mandato ocorreu dia 5 de outubro. Ele era acusado de quebra de decoro parlamentar. O juiz Gabriel Kutianski Gonzalez Vieira, da Vara da Fazenda Pública de Nova Aurora, concedeu o pedido liminar e determinou que Rodrigo seja reconduzido ao cargo.

Mais servidores

A Câmara de Foz do Iguaçu discute hoje em sessão extraordinária projeto enviado pela prefeitura que prevê a ampliação de vagas no Município. São 27 novas vagas distribuídas entre nutricionista, assistente técnico fazendário, arquiteto, engenheiro civil e engenheiro eletricista.

Corte de árvores

Falando em Foz, a Terra das Cataratas discute na próxima segunda-feira em audiência pública o corte de árvores. Reduto de uma das Maravilhas da Natureza, Foz vive um acúmulo de pedidos de cortes e podas de árvores, que a prefeitura não consegue dar conta.

Acir Gurgacz

O senador Acir Gurgacz (PDT-RO) desembarcou ontem de manhã em Brasília, onde cumprirá pena de 4 anos e 6 meses em regime semiaberto. Ele foi levado ao Instituto Médico Legal, onde fez exame de corpo delito, e depois ao presídio da Papuda.

Condenado

O parlamentar foi condenado por desvio de recursos de um financiamento obtido do Banco da Amazônia, entre 2003 e 2004, quando era diretor da empresa de ônibus Viação Eucatur. O MPF afirma que Gurgacz obteve, mediante fraude de documentos e dispensa indevida de garantias, um empréstimo de R$ 1,5 milhão para a renovação da frota de ônibus de sua empresa.

Salvo-conduto

O ex-governador Beto Richa (PSDB) e o irmão dele, Pepe Richa (PSDB), ingressaram terça-feira com um habeas corpus preventivo no TRF4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região). O pedido assinado por oito advogados pede um “salvo-conduto” para que os irmãos não sejam presos em eventual pedido do MPF (Ministério Público Federal) no âmbito das operações Integração II e Piloto, 53ª e 55ª fases da Lava Jato.

Lula condenado

O ex-presidente Lula foi condenado por litigância de má-fé, acusado de tentar enganar a Justiça no processo que envolve uma propriedade rural do petista em São Bernardo do Campo, ao lado do sítio Los Fubangos. O juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública José Carlos de França Carvalho Neto considerou que o petista prestou informações falsas à Justiça ao alegar que houve abuso de autoridade da parte da prefeitura que mandou embargar a construção de sua “unidade residencial para lazer”.

Bolsonaro 60,9% X Haddad 39,1%

Levantamento nacional do Instituto Paraná Pesquisas divulgado ontem aponta Jair Bolsonaro (PSL) com 60,9% dos votos válidos contra 39,1% de Fernando Haddad (PT). Na pesquisa estimulada, Bolsonaro tem 52,9% e Haddad, 33,9%. A rejeição de Haddad é maior: 55,2% e de Bolsonaro, 38%. Para 71% dos entrevistados, Bolsonaro será o próximo presidente eleito em 28 de outubro e para 20,1%, o presidente será Haddad. O Paraná Pesquisas entrevistou 2.080 eleitores em 162 cidades de 26 estados mais o distrito federal entre os dias 14 e 17 de outubro. A pesquisa contratada Empiricus Research Publicações Ltda tem margem de erro de dois pontos percentuais, e grau de confiança de 95%. Está registrada no TSE sob o número 04446/2018.