Desde o início da pandemia a Transitar acompanha todos os desdobramentos e ajustes necessários que constam nos decretos municipais, a fim de organizar o atendimento e gestão no transporte público da cidade. Com a publicação do novo Decreto nº 16.307, o qual flexibiliza o atendimento em diversas atividades em Cascavel até o dia 11 de agosto, o transporte coletivo urbano também terá a operação ampliada.

Portaria da Autarquia foi publicada na quinta-feira(29), estabelecendo mudanças a partir desta segunda-feira (9). O novo horário de circulação dos ônibus será das 5h às 23h59, após três meses desde a última alteração. Atualmente, o transporte está funcionamento das 6h às 23h, alteração que ocorreu no dia 16 de abril.

De acordo com a gerente da Divisão de Transporte da Transitar, Larissa Boeing, o maior impacto será no período noturno, uma vez que, de maneira geral, as linhas já iniciam antes das 6 horas. Dessa forma, os principais ajustes serão no sentido de recolher os veículos mais tarde, próximo da meia noite.

Capacidade também muda

Outra alteração é no limite de capacidade de passageiros, que passa de 50% para 70%, sendo obrigatória pelas empresas concessionárias a fixação de cartazes nos veículos informando o número máximo de passageiros permitidos e quando o veículo atingir a capacidade máxima.

Mudanças do transporte durante a pandemia

Com o transporte coletivo, os ajustes vão desde alterações de horários à suspensão do atendimento, sendo mantido para atender aos serviços essenciais, como ocorreu de 2 a 21 de março.

A partir de 22 de março, os ônibus passaram a circular das 6h às 20h, com 50% da capacidade e manteve suspenso o direito à utilização do cartão isento para idosos e o meio-passe para estudantes, respeitando as medidas sanitárias previstas.

Ainda no fim de março, as instituições de ensino puderam iniciar o encaminhamento de ofício para a Transitar, informando o retorno das atividades de forma presencial, além de entregar listagem de alunos para que a ValeSim pudesse efetuar a liberação da utilização dos cartões.

Outra mudança significativa foi a liberação para a utilização do cartão isento para os idosos, que a partir de 10 de maio puderam retornar a circular nos ônibus de segunda a sexta, das 9h às 16h e após as 20h; aos sábados a partir das 9h e aos domingos e feriados sem restrição de horários.