801 servidores participaram das eleições do HUOP (Hospital Universitário do Oeste do Paraná), nessa quarta-feira (04). A consulta interna foi para escolha das direções: Geral, Administrativa, Clínica e Pedagógica. O momento concretiza a democracia no hospital, anseio dos servidores e também uma promessa da atual gestão da Unioeste (Universidade Estadual do Oeste do Paraná). “Esse momento é histórico para o hospital, pois todos os campi tem o processo de escolha para a direção e é justo que seja realizado também no Huop. Isso era um anseio dos servidores que eles possam participar dessa escolha, e o objetivo é concretizar essa democracia na instituição”, diz o reitor da Unioeste, Alexandre Webber.

Nessa primeira consulta interna para estas direções apenas uma chapa foi inscrita: “Democracia Sem Medo”, composta pelos atuais diretores do hospital: Rafael Muniz de Oliveira, diretor geral; Rodrigo Barcella, diretor administrativo; Vilson Dalmina, diretor clínico; Alex Sandro Jorge, diretor pedagógico.

Logo após a votação, foi realizada a apuração dos votos. A chapa foi eleita com 719 votos. “Foi um processo bem tranquilo e essa participação demonstra essa vontade dos servidores para que essa votação fosse realizada”, enfatiza o presidente da Comissão Eleitoral, Muriel Padovani.

O processo democrático no Huop iniciou ainda em 2020 com a votação para escolha da Direção de Enfermagem e representante dos técnicos de Enfermagem, Sara Treccossi e Dariane Barbosa foram eleitas, respectivamente, nesse momento.

O reitor ressalta que a consulta interna no hospital deve ser concretizada para os próximos anos, com a aprovação do regimento interno do Huop. “Com a aprovação do regimento, que deve ser realizado em breve, será previsto a consulta interna no HUOP no mesmo período que as eleições para direções de campi e reitoria, e assim, deve ser realizada a cada quatro anos”, afirma Webber.

O vice-reitor da universidade, Gilmar Mello, também ressalta a importância do processo democrático no Huop. “Ainda antes de estarmos na gestão tínhamos conhecimento desde anseio dos servidores, e a importância dessa consulta no hospital. Com toda certeza é um momento histórico”, finaliza.

Votos totais: 801
Brancos: 38
Nulos: 44
Chapa: 719 (89,7% dos votos)