Curitiba – O governador Ratinho Jr prometeu esvaziar todas as carceragens das delegacias em um mês. “Nos próximos 30 dias vamos zerar todos os presos nas delegacias do Estado, colocando esses detentos em um lugar adequado para que possam ser ressocializados e para que cumpram suas penas de maneira respeitosa e digna”.

As unidades da Polícia Civil abrigam cerca de 800 detentos. Esses presos deverão ser transferidos para o sistema prisional nos próximos 30 dias, quando a Sesp (Secretaria Estadual de Segurança Pública) pretende entregar cinco dos 14 novos presídios anunciados na gestão Beto Richa (PSDB) que serão concluídos na atual gestão. As penitenciárias que serão inauguradas mês que vem são em Ponta Grossa, Guaíra, Foz do Iguaçu, Londrina e Piraquara.

Ratinho Jr lembrou que, ao assumir o governo em 2019, o Paraná tinha o maior número de presos em delegacias no Brasil, 12 mil no total. Com a entrega dos cinco presídios em setembro, serão abertas 3.750 novas vagas no sistema prisional.

Segundo a Sesp, as obras dos cinco presídios a serem entregues em setembro já estão 85% concluídas. Cada um terá capacidade de manter 750 detentos. totalizando 3.750 novas vagas.