Partidos deixam escolha de vice para instantes finais das convenções

A escolha dos vices não tem sido tarefa fácil para partidos e postulantes às prefeituras neste ano

Cascavel – A escolha dos vices não tem sido tarefa fácil para partidos e postulantes às prefeituras neste ano. Em Cascavel, o prefeito Leonaldo Paranhos (PSC) segue indefinido entre pretendentes, que vão de Renato Silva (Progressistas) até presidente da Câmara, Alécio Espínola (PSC), passando por Hivonete Picolli (MDB) e Miroslau Bailak (PTB).

Unimed

Um pouco mais definida parece a parceria Patriota & PSL, com a indicação de Vânia Abe (esposa do deputado Coronel Lee) como vice do deputado federal Evandro Roman. O casamento teria como padrinho o presidente Jair Bolsonaro. Parece… É que, nesta terça (15), deve aportar em Cascavel o presidente do Pros paranaense, Alisson Wandscheer.

Com a aparente desistência de Edgar Bueno do páreo, o Pros abriu negociações com Roman e também cogita indicar vice na majoritária do Progressistas, liderada pela advogada Inês de Paula. Detalhe: ontem, cresceram os boatos de que Edgar desistiu de desistir. Ele ignorou as mensagens da imprensa, sem negar nem confirmar.

Nas fileiras do PDT, a novidade da hora é o vereador Fernando Hallberg, cogitado como vice de Márcio Pacheco. Hallberg não esconde a visão do Paço, mas um sonho que seria para 2024. Pacheco teria ainda a opção do presidente do Solidariedade, Leonardo Mion.

Nem mesmo o petista Paulo Porto, que será confirmado na convenção de amanhã, já achou o par ideal. Ele aguarda a confirmação de apoio do Rede, do Psol e do PCdoB.

Na fronteira

Na Terra das Cataratas o cenário é bastante parecido. Chico Brasileiro (PSD) vai disputar a reeleição, mas busca o vice. Ele negocia com uma série de partidos, que tentam se decidir se apoiam sua reeleição ou se lançam candidato próprio.

O Podemos confirmou fim de semana que vai insistir na candidatura de Paulo Mac Donald. Para escolha do vice-prefeito, há entendimentos avançados com o PSDB, além de conversações com outros partidos como Progressistas, PL e PTB. Também passaram pela convenção líderes de outros partidos, como Patriota, e de uma ala do MDB.

Contudo, o MDB anunciou ainda na última sexta, em convenção, apoio à reeleição de Chico Brasileiro com a indicação do vice-prefeito Nilton Bobato para compor novamente a chapa majoritária com o atual chefe do Executivo.

O Democratas quer Vilmar Andreolla disputando a Prefeitura de Foz do Iguaçu, mas ainda pode seguir para a coligação de Chico Brasileiro ou de Paulo Mac Donald, indicando-o a vice.

Toledo

Em Toledo, as coisas parecem mais encaminhadas. O PTC indicou a advogada Simone Sponholz como candidata a prefeita na chapa Aliança por Toledo. A sigla vai coligar com o PTB, que tem convenção nesta terça para homologar o vice Fábio Kukowitsch.

O PDT encaminha chapa com o vereador e ex-prefeito (1988-1991 e 1996-1999) Albino Corazza Neto e Amanda Lopes da Silva, cotada para vice.

O Psol aguarda convenção do PCdoB para concluir a chapa Toledo Merece mais, com Claudia Mallmann e Cosme Francisco na majoritária.

Já o PSB deliberou pela proposta de coligação e apoio à pré-candidatura a prefeito de Beto Lunitti (MDB) e vice-prefeito Ademar Dorfschmidt (Cidadania).

Unimed

Receba as principais notícias através do WhatsApp

ENTRAR NO GRUPO

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp. Ao entrar seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.


Fale com a Redação