A prefeitura de Foz do Iguaçu iniciou no dia 30 de junho a vacinação das pessoas em situação de rua. A expectativa da Secretaria Municipal de Assistência Social era de imunizar 300 pessoas nessa situação, porém, até esta segunda-feira (19) apenas 50% foram imunizadas.

A prefeitura destinou a esses moradores as vacinas Janssen, da fabricante americana Johnson & Johnson, de dose única, facilitando a adesão dessas pessoas à imunização completa.

O secretário de Assistência Social, Elias Sousa, disse que até agora 151 pessoas e situação de rua foram vacinadas em Foz do Iguaçu e que existe resistência da outra parte em aceitar o imunizante.

“Foram divulgadas durante o período diversas fake news dizendo que a vacina é para matar a população de rua. Então temos que fazer todo um trabalho de convencimento, que está sendo feito com nosso serviço da abordagem social e as equipas do Consultório na Rua”, disse Sousa.

Para garantir a imunização desses outros 50% dos moradores de rua, os assistentes sociais estão passando novamente nos pontos de maior concentração desse público e nas casas de passagem. “Nosso trabalho agora é fortalecer esse convencimento. A vacina é nossa luta contra a pandemia”, enfatizou Elias Sousa.