Cascavel – O início do mês de outubro tem sido marcado pela redução no número de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e enfermaria, destinados ao atendimento exclusivo de pacientes com a Covid-19 em Cascavel, conforme dados divulgados pelos boletins epidemiológicos.

No boletim do dia 2 de outubro, por exemplo, emitido pelo Consamu, órgão responsável pela regulação de pacientes na Macrorregião Oeste, a 10ª Regional de Saúde de Cascavel estava com 72% dos leitos de UTI ocupados. Na enfermaria a taxa de ocupação era de 63%. Já o boletim de sexta-feira (8) trouxe números ainda mais positivos, com queda na ocupação de leitos. Nas UTIs a taxa de ocupação registrou 60%, ou seja, 12% a menos do que no relatório do dia 2. Nas enfermarias, a queda foi de 10%, com ocupação de 53%.

Os dados mostram certo “alívio” na ocupação dos leitos, com certo controle da pandemia. Entretanto, as autoridades fazem questão de enfatizar ainda é obrigatório o uso de máscara e demais medidas de combate e prevenção ao coronavírus.

Óbitos aumentaram

Se por um lado os dados de internamento estão favoráveis neste início deste mês, a estatística de óbitos tem causado preocupação. Segundo dados do Informe Semanal, divulgado pela Prefeitura de Cascavel, houve aumento no número de mortes por Covid-19 pela segunda semana consecutiva.

Os dados são computados por SE (Semana Epidemiológica), sendo que na semana 37 (12 a 18 de setembro) foram registrados 16 óbitos. Na semana 38, que se encerrou no dia 25 de setembro, 22 mortes foram contabilizadas.

Na última semana (SE 39), que compreende o período entre 26/09 e 02/10, foram registradas 24 mortes em decorrência da doença. Deste total, 63,5% dos falecimentos ocorreram em pessoas com 60 anos ou mais e 36,4% eram pessoas com idade inferior a 60 anos. Em 2021 os dados informam que 62,11% das vítimas foram homens e 37,89% eram mulheres. O relatório desta sexta-feira (08) contabilizou 1084 mortes em Cascavel desde o início da pandemia, com 50.603 casos confirmados e 49.366 pacientes classificados como recuperados.

Brasil e Paraná

Na tarde de ontem, o Brasil ultrapassou a marca das 600 mil mortes por Covid-19, com 600.077 óbitos registrados. No Paraná, de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, mais 1.718 novos casos e 49 mortes foram registradas na sexta-feira. No total, até agora, o Paraná soma 1.518.590 casos confirmados e 39.255 mortes pela doença provocada pelo novo coronavírus. (Redação: Paulo Eduardo)

Foto: AEN


Vacinação será retomada quarta-feira

A Prefeitura de Cascavel informou que as unidades de Saúde e o Centro de Eventos não abrem na segunda (11) e terça-feira (12) para vacinação, por conta do ponto facultativo e recesso do feriadão. Para as pessoas que precisam tomar a segunda dose da vacina e constar na carteirinha as datas 11 e 12 de outubro, a aplicação do imunizante será feita na quarta-feira, dia 13.

Em relação à dose de reforço, ontem (8) foram vacinados os idosos com 60 anos ou mais. Um novo cronograma deverá ser divulgado na semana que vem. Vale lembrar que qualquer cidadão que procurar as unidades de saúde, seja para 1ª, 2ª ou 3ª dose (reforço), é necessário apresentar documentos.