O inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, venceu domingo o GP da Hungria de Fórmula 1. Para ir ao pódio no ponto mais alto, depois de largar na pole position e liderar de ponta a ponta, Hamilton contou com a ajuda de Valtteri Bottas, seu companheiro de equipe, que, com pneus desgastados, segurou os pilotos da Ferrari até as voltas finais. Sebastian Vettel obteve o segundo lugar e Kimi Raikkonen o terceiro. Bottas teve que se contentar com o quinto lugar, uma vez que também foi ultrapassado por Daniel Ricciardo, da Red Bull. Com a vitória, Hamilton disparou na liderança do campeonato, com 213 pontos, seguido de Vettel, com 189; Raikkonen, com 145; e Bottas, com 132 pontos.