Rasante

Há um mistério maior a ser solucionado pela Polícia Federal sobre o jatinho Gulfstream G4, ano 1982, de matrícula turca TC-GVA apreendido ontem com 1,3 tonelada de cocaína após aterrissagem no Aeroporto de Fortaleza. A aeronave está em nome da ACM Airlines, segundo um site especializado, mas fontes do setor afirmam à Coluna que pertenceria à Força Aérea da Turquia. Uma página de site norte-americano especializado em aviação executiva também cita o Governo como proprietário. A reportagem não conseguiu até o fechamento o contato com a Embaixada em Brasília para confirmação se o avião foi vendido para empresa privada.

Em resposta à Coluna, a Embaixada da Turquia respondeu nesta quinta (5/8) que o avião não pertence ao Governo daquele país.

Desce agora!

O comandante turco e um passageiro espanhol foram presos. A PF não dá mais detalhes do flagrante que, segundo consta, seria parte de uma investigação já em andamento.

 

Turismo onde?

Antes do flagrante, virou piada entre policiais a resposta do espanhol, indagado sobre o que veio fazer no Brasil: turismo no aeroporto de Guarulhos. Foi o suficiente para o delegado desconfiar.

 

Rolos (e de filmes)

A Prefeitura de São Paulo e o Governo do Estado estudam fazer uma proposta ao Governo Federal para assumir a Cinemateca, cujo prédio-sede é da gestão municipal.

 

Araújo na urna

O ex-chanceler Ernesto Araújo se reuniu com Roberto Jefferson e foi convidado pelo presidente do PTB a se filiar ao partido. Há indicativo de que o diplomata pode disputar uma vaga na Câmara Federal. Como publicamos, o presidente Bolsonaro quer fazer uma bancada forte no Congresso na eleição do ano que vem. E incentiva subordinados.

 

Cabe no crachá?

A pastora Morgana, mulher de confiança do presidente Bolsonaro na Paraíba, retorna ao Governo. Ela recusou convite da ministra Damares Alves, mas aceitou o chamado do próprio chefe da nação. Morgana será coordenadora-geral da Comissão Interministerial de Avaliação do Departamento de Gestão e Relações Institucionais da Secretaria Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Ufa!). O que ela vai fazer?, também não entendemos, mas a nominação deve caber no crachá.

 

Contraditório

Uma reportagem publicada no início dos anos 90 em jornal do Rio, da repórter Daniela Sholl, e que circula desde ontem em grupos de WhatsApp, deixa Bolsonaro em situação constrangedora. À época, em reunião com militares que defendiam mais nomes da classe nas eleições, o então deputado defendeu veementemente o voto eletrônico.

 

STM

Toma posse hoje como presidente Superior Tribunal Militar o Almirante de Esquadra Cláudio Portugal de Viveiros, com a aposentadoria do ministro Marcus Vinicius Oliveira dos Santos. Viveiros tem 46 anos de serviços à Marinha.

 

Tiro em Jair…

A oposição, especialmente o Psol, anda intransigente quando o assunto é Israel. Dois acordos firmados pelo Brasil, um deles de 2010, não foram votados ontem na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional. Por pura implicância da esquerda. O Psol deixou claro que, enquanto o presidente for Bolsonaro, acordo com Israel não passa.

 

… e em Lula

Um dos acordos, sobre informação classificada, pretende apenas adequar um assinado por Lula da Silva, à Lei de Acesso à Informação. Já o de segurança pública e combate ao crime organizado foi vetado por ter sido assinado por Bolsonaro e ser relatado pelo filho deputado, Eduardo.

 

Pé na estrada

São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte, Salvador, Fortaleza, Campos do Jordão, Natal, Goiânia e Florianópolis foram os destinos mais procurados por passageiros da ClickBus, aplicativo de venda de passagens, durante julho.

*Texto editado às 16h56 para inclusão da resposta na primeira nota a pedido do autor da coluna