Veja por que é importante fazer aquecimento antes das atividades físicas

Prática pode ajudar a evitar lesões e melhorar o rendimento

A prática de atividades físicas, assim como uma alimentação equilibrada, é essencial na manutenção de um corpo saudável. Mas quem deseja se exercitar para cuidar da saúde precisa observar alguns cuidados, sob o risco de não obter os efeitos esperados. Uma dessas precauções é a realização de uma série de aquecimento antes da atividade propriamente dita. Isso porque, de acordo com especialistas, um corpo aquecido, além de apresentar um rendimento melhor, tem menos chances de sofrer lesões.

A principal função do aquecimento é preparar o organismo para a atividade física. Ele auxilia o corpo na transição do estado de repouso para um estado de maior atividade metabólica, emitindo sinais que ajudam músculos, articulações, órgãos e sistemas a se preparar para o esforço que está por vir. O aquecimento aumenta gradativamente a temperatura corporal e melhora a distribuição do fluxo sanguíneo, o que vai garantir que o oxigênio chegue mais facilmente aos músculos, que precisam dele para produzir energia.

Outra vantagem de se aquecer está na melhora da circulação do líquido sinovial, responsável por lubrificar as articulações e evitar atritos durante os movimentos, prevenindo lesões e aumentando a amplitude e a mobilidade. Além disso, o aquecimento garante o aumento gradativo da frequência cardíaca, importante para treinar os músculos a responder melhor a esforços repetidos e o coração a fazer menos esforço para bombear o sangue.

O aquecimento pode ser geral ou específico. O primeiro trabalha o corpo de uma maneira geral e não deve ser uma atividade extenuante. Um período de 5 a 10 minutos pode ser suficiente para garantir os efeitos desejados, a depender da temperatura local — em ambientes frios, o uso de roupas e acessórios pode auxiliar o processo, como é o caso das polainas usadas por bailarinas ou dos casacos, como o modelo corta-vento da adidas, comum entre os corredores.

O aquecimento específico, por sua vez, envolve os grupos que serão exigidos durante a modalidade escolhida pelo praticante. Se o esporte escolhido for a corrida, por exemplo, é interessante começar o aquecimento com um trote leve e dar continuidade com movimentos que trabalhem o quadril, os joelhos e os calcanhares. Em caso de treinos de musculação, uma opção é utilizar cargas reduzidas nas primeiras repetições ou realizar os movimentos sem peso. É importante, contudo, sempre consultar um médico e um educador físico antes de começar a praticar atividades físicas.

Parceria comercial



Fale com a Redação

quatro + 20 =