Publicidade

ESPORTES

Ramon já trata de injetar ânimo na equipe: “só depende de nós”

06 de fevereiro de 2024 às 17:00
Publicidade

O técnico Ramon Menezes, mesmo chateado com a derrota da Seleção Brasileira para o Paraguai por 1 a 0, na tarde desta segunda (5), em Caracas, tratou de incentivar a equipe para a continuidade do quadrangular final do Pré-Olímpico. A Seleção enfrentará a Venezuela, na quinta (8), e Argentina, no domingo (11). Se vencer as duas partidas, garantirá sua vaga.

“A gente já sabia de toda a dificuldade que ia ser esse jogo com o Paraguai, um jogo de muito contato físico. O Paraguai leva muito perigo em jogadas de bola parada, tem um time que gosta de atacar em profundidade e é forte no jogo de segunda bola. Tivemos um pouco de dificuldade em relação a isso”, declarou Ramon.

Ele lamentou as oportunidades desperdiçadas no primeiro tempo, duas delas de ouro – um pênalti cobrado por Endrick e defendido pelo goleiro paraguaio e uma finalização de John Kennedy, livre na área, cuja bola saiu pela linha de fundo.

“Mesmo com os problemas no primeiro tempo, principalmente na hora da saída de bola, situações em que o Paraguai deixava a gente sair e ao mesmo tempo pressionava, tivemos duas grandes chances para fazer 2 a 0. Ali, talvez, a história do jogo fosse diferente.”

Para o treinador, o quadrangular apenas começou e o tropeço do Brasil pode ser superado – ainda mais por causa do empate entre Venezuela e Argentina por 2 a 2, também nesta segunda-feira, após o jogo da Amarelinha.

“Só depende de nós ainda, temos condições de fazer duas grandes partidas e de vencer os dois jogos, contra Venezuela e Argentina. Vamos seguir no trabalho com esse propósito.”

Fonte: CBF

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE