Paulo Bento se adapta aos aos tempos de coronavírus

O cascavelense Paulo Bento, da equipe Consórcio New Holland/Barão Automóveis, tenta se adaptar aos tempos de coronavírus

Com as provas suspensas e sem previsão de quando voltará ao normal, o cascavelense Paulo Bento, da equipe Consórcio New Holland/Barão Automóveis, tenta se adaptar aos tempos de coronavírus e pretende treinar o máximo possível.

Quando usar máscara de pano

Paulo Bento diz que, como irá disputar o Turismo Nacional deste ano com um carro novo, o New Car, da Ford, será importante treinar o máximo possível e evitar que problemas venham a surgir nas provas. “Diante dessa crise, vamos nos adaptando e torcendo para que tudo volte ao normal o mais breve possível”, frisa Paulo Bento.

Treinos

Orlei Silva, presidente do Automóvel Clube de Cascavel, adianta que somente treinos privados serão possíveis durante o período de restrições das atividades automobilísticas em função da pandemia do coronavírus. Serão permitidas no máximo 15 pessoas, nunca de uma mesma equipe, e distribuídas ao longo dos boxes. Todas as outras exigências seguem normalmente, entre elas a exigência de ambulância com médico e todo o aparato de socorro em caso de acidentes.

Já para o motociclismo, serão permitidos treinos com no máximo dez pilotos, sem acompanhamento de mecânicos. “O piloto vai sozinho com a moto, faz seu treino e leva para a oficina as observações. Estamos nos adaptando e vamos passar por essa crise”, acentua Orlei.

 

Mosquito da dengue nas áreas externas


Fale com a Redação

19 − cinco =