Publicidade

POLÍTICA

Marcio Pacheco deixa Republicanos e fica mais próximo do Progressistas

25 de janeiro de 2024 às 09:08
Publicidade

Cascavel A Comissão Executiva Nacional do Partido Republicanos autorizou a desfiliação do deputado estadual Marcio Pacheco da sigla. A carta de anuência foi assinada pelo deputado federal Marcos Pereira, presidente nacional do partido com a ciência do dirigente estadual, o empresário Marcelo Almeida.

A autorização para a saída do partido era uma das últimas “fronteiras” que ainda barrava a pré-candidatura de Pacheco para a prefeitura de Cascavel nas eleições de 2024, isso porque, caso o parlamentar saísse do Republicanos sem a devida autorização para disputar as eleições para a prefeitura, poderia perder o mandato como deputado estadual caso não fosse eleito. Agora com a carta, Pacheco tem garantida a permanência da Assembleia Legislativa do Paraná mesmo estando em outro partido.

Como diz o bom jargão futebolista, com a autorização, Pacheco fica “livre no mercado” para ter abonada a ficha de filiação do Partido Progressista, sigla essa que deverá ser o destino do parlamentar para a disputa nas eleições de 2024 pela prefeitura de Cascavel.

Em dezembro de 2023, em entrevista ao jornal O Paraná, Pacheco já havia adiantado que a pré-candidatura estava viva mesmo com o Republicanos tendo escolhido o vice-prefeito de Cascavel, Renato Silva, para ser o nome do partido na disputa em 2024. Na oportunidade, Pacheco afirmou que estava trabalhando para minimizar os riscos de sair do partido e manter o mandato como deputado estadual.

Agora, a disputa para a prefeitura de Cascavel ganha novos contornos com a jogada no tabuleiro do xadrez político cascavelense.

 

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE