O terceiro dia do 31º Show Rural Coopavel registrou público de 68.318 pessoas. Somados, os visitantes dos três dias alcançam 181.365, isso sem contar os cerca de 25 mil que passaram pelo parque no domingo. No ano passado, os três primeiros dias da feira tiveram a visita de 165.464 pessoas. A diferença a mais para a edição atual é de 15.901.

Desde o início da semana o público tem batido recordes: 36.112 (segunda) e 76.935 (terça).

Assim, a previsão inicial de público para essa edição da terceira maior feira de transmissão de conhecimentos para o campo do mundo de 250 mil pessoas pode ser batida ainda nesta quinta-feira, um dia antes do fim do evento.

Mais de R$ 1 bilhão em comercialização já foram registrados. Grande parte das vendas, cerca de 95% delas, corresponde a máquinas, implementos, utilitários e veículos. A previsão de movimentação financeira para a 31ª edição é de R$ 2 bilhões.

Certificada

A empresa Alfama Alimentos, de transformação de carnes bovina e de aves, de Cascavel, conquistou o certificado do Sisbi (Sistema Brasileiro de Inspeção Sanitária), que lhe permite vender os produtos alimentícios em qualquer lugar do País. O selo foi entregue pela Adapar (Agência de Defesa Agropecuária do Paraná), empresa vinculada à Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento, no Show Rural 2019.

A empresa investiu R$ 12 milhões numa planta nova, com 2,5 mil metros quadrados e equipamentos de ponta importados da Alemanha para a transformação de carnes de boi e de frango em produtos como hambúrgueres, carne de boi pré-cozida, carne de frango pré-cozida.

A indústria já conta com uma planta industrial, também em Cascavel, que produz para 18 estados brasileiros. De acordo com o diretor industrial, Bruno Sonda André, o certificado vai permitir ampliar a produção de 110 toneladas por mês para 560 toneladas mensais, praticamente 5 vezes mais, destacou.