Cascavel – Mais de R$ 14,2 milhões. Este é o valor que o Município de Cascavel gastará com a instalação de 61 aparelhos de semáforo nas avenidas Brasil, Tancredo Neves e Barão do Rio Branco. A licitação, que tem prazo de 12 meses, foi publicada no Diário Oficial de Cascavel e teve como vencedora a empresa Dataprom Equipamentos e Serviços de Informática Industriais, de Curitiba. Esta empresa é investigada por superfaturamento em pelo menos duas cidades no Paraná).

Se dividido o valor pela quantidade de equipamentos, cada semáforo custará aos cofres públicos mais de R$ 233 mil.

A reportagem de O Paraná questionou o Município sobre a quantidade de equipamentos, que não consta na publicação e, segundo nota encaminhada pela Cettrans (Companhia de Engenharia de Transporte e Trânsito), além da aquisição e instalação dos 61 aparelhos, o contrato prevê ainda a instalação do sistema de prioridade seletiva para os veículos de transporte coletivo, o sistema de adaptativo, que será instalado nas principais vias transversais às avenidas, e ainda a atualização semafórica já existente em Cascavel.

A previsão do Município é de que até dezembro as obras no Calçadão da Avenida Brasil sejam concluídas e a partir disso os equipamentos serão instalados. Esta semana, assim que o tempo permitir, as equipes que trabalham nas obras farão a aplicação de massa asfáltica em trechos da avenida, começando pela esquina da Rua Sete de Setembro, seguindo sentido oeste/leste. Depois serão iniciados os serviços de implantação de calçadas.