Jenson Button disputa o SRO e-Sport GT

Button disputou sete temporadas pela McLaren (foi vice-campeão em 2011) antes de fazer uma aparição final no Grande Prêmio de Mônaco de 2017.

Com os eventos de automobilismo do SRO GT World Challenge adiados devido à crise da covid-19, um campeonato de e-Sports foi criado usando o Assetto Corsa Competizione. Denominado GT World Challenge Powered by AWS, o campeonato é composto por cinco etapas com três classes competindo em corridas separadas, seguidas por uma “grande final” com os melhores colocados de cada classe.

Quando usar máscara de pano

A McLaren Automotive será representada por dez pilotos na SRO E-Sport GT Series, com seis participando da Pro Series (para competidores do mundo real) e outros quatro da Silver Series (para pilotos de e-sport convidados e já estabelecidos em corridas de simulador). O campeonato também apresenta uma classe Am (amador) que será decidida por uma competição pública de “hot lap”. Esse campeonato de corridas virtuais foi iniciado no último domingo.

Jenson Button, campeão mundial de Fórmula 1 em 2009, encabeçará a classe Pro para a McLaren. Button disputou sete temporadas pela McLaren (foi vice-campeão em 2011) antes de fazer uma aparição final no Grande Prêmio de Mônaco de 2017. Após uma carreira em que totalizou 306 largadas (quarto lugar na lista de todos os tempos), ele fez sua estreia no e-sport com a McLaren no GP virtual de Fórmula 1 no começo deste mês. Com essa experiência, Button está se voltando para as corridas virtuais de GT, refletindo sua posição na vida real como proprietário de uma equipe, a Jenson Team Rocket RJN, que compete com um McLaren 720S GT3.

Na primeira prova virtual, em Silverstone, Ben Barnicoat terminou em segundo lugar na classe Pro e Jenson Button ficou em trigésimo. A McLaren fez dobrandinha na classe Silver com Patrick Selva e Arthur Kammerer.

Edison Bento

O ex-piloto José Edison Bento comemorou mais um aniversário ontem. Mesmo em tempo de quarentena, ele segue de perto a preparação do filho Paulo Bento para a temporada deste ano do Turismo Nacional e ao mesmo tempo se destaca como campeão de vendas do Consórcio New Holland.

Fórmula 1

A FIA (Federação Internacional de Automobilismo) e a Liberty Mídia, dona dos direitos comerciais da Fórmula 1, anunciaram o cancelamento do GP da França, marcado para o dia 28 de junho, em Paul Ricard. Assim, a possível abertura da temporada deste ano passa a ser o GP da Áustria, no dia 5 de julho, no Autódromo Red Bill Ring.

Respirador

A crise causada pela pandemia do coronavírus viu na ausência de respiradores para infectados seu maior desafio na luta para combater a agressividade da doença, que ataca principalmente os pulmões dos infectados. Em diversas partes do mundo, grandes montadoras e equipes de Fórmula 1 pararam suas produções para desenvolver e construir mais respiradores. No Brasil, no entanto, a história vem mostrando que basta uma mente criativa e recursos simples para que esse problema seja não só atenuado, mas também fornecer uma solução de forma acessível. Técnico-mecânico com passagens por marcas como a Renault e por equipes da Stock Car, Arlindo Romero se viu na obrigação de usar todo o seu conhecimento técnico para poder auxiliar de alguma forma e foi assim que surgiu a ideia de criar um respirador utilizando componentes disponíveis no mercado de autopeças.

Mosquito da dengue nas áreas externas


Fale com a Redação

dezenove + 10 =