Informe da redação do dia 06 de julho de 2019

Veja apavora na rede social

A revista Veja publicou nessa sexta-feira (dia 5) reportagem revelando novas conversas de Sergio Moro com integrantes da Operação Lava Jato. Com o título “Novos diálogos revelam que Moro orientava ilegalmente ações da Lava Jato”, o texto mostra irregularidades praticadas pelo juiz, que agora é ministro da Justiça do Governo Bolsonaro. A nova edição impressa da Veja tem Sergio Moro na capa, com o título “Justiça com as Próprias Mãos”. Para promover a reportagem, a Veja fez uma série de disparos de chamadas nas suas redes sociais. A revista afirma que “as revelações enfraqueceram a imagem de correção absoluta do atual ministro de Jair Bolsonaro e podem até anular sentenças”.

Posse em Foz I

A presidência da Câmara de Foz do Iguaçu acolheu parecer do setor jurídico, em cumprimento a decisões judiciais, e deu posse a Marino Garcia no cargo de vereador nessa sexta-feira (5). O vereador Marino ainda está sem partido e deve definir filiação partidária nos próximos dias.

Posse em Foz II

A justiça federal confirmou que Marino não possui impedimentos para assumir o cargo de vereador, visto que está suspensa a medida cautelar de afastamento do cargo público. O documento é assinado pela juíza Flavia Hora Oliveira de Mendonça. Com a posse de Marino, o vereador João Sabino, que atualmente ocupa a cadeira, deixa a função.

Justiça do Paraná

Toma posse nesta segunda-feira (8), às 14h, a nova cúpula administrativa da Seção Judiciária do Paraná. O juiz federal Rodrigo Kravetz assume a Direção do Foro e a juíza federal Luciana da Veiga Oliveira a Vice-Direção. Os magistrados serão responsáveis pela gestão da Justiça Federal do Paraná durante o biênio 2019-2021.

Cidadania

O deputado federal Rubens Bueno passou por Cascavel nessa sexta-feira e deu posse à nova executiva do Partido Cidadania, que terá como presidente Wilson de Oliveira. Em visita ao Jornal O Paraná, Rubens destacou o trabalho e o esforço que vem sendo feito no Congresso Nacional para a aprovação o mais rápido possível da Reforma da Previdência: “Se a reforma tivesse sido feita há 20 anos, quando faltou um voto para ser aprovada, o Brasil hoje seria outro e não esse caos que estamos vivendo. Se demorar mais, o governo não terá dinheiro para pagar aposentados e pensionistas daqui a poucos anos”.

Prefeitos em Brasília

A CNM (Confederação Nacional de Municípios) convoca os prefeitos para terça (9) e quarta-feira (10) em Brasília. A mobilização pretende garantir a inclusão dos municípios na reforma da Previdência. O relatório deixou de fora os 2.108 municípios e os 27 estados que têm Regimes Próprios de Previdência Social. Se aplicadas as regras do relatório aos municípios, estima-se uma redução de despesa de R$ 41 bilhões em quatro anos e R$ 170 bilhões em dez anos.

Fora Feder!

Professores, pedagogos e funcionários de escolas realizaram ato público em frente ao BRE (Núcleo Regional de Educação) de Foz do Iguaçu nessa sexta-feira e, durante a manifestação, pediram a saída do secretário de Educação do Paraná, Renato Feder. Para eles, o secretário não reúne condições mínimas para ocupar cargo de tamanha relevância, não tem interlocução com a categoria e seu projeto é empresarial, em detrimento da escola pública. Leia mais sobre a greve do funcionalismo público na página 4 desta edição.



Fale com a Redação

18 + um =