Porto Alegre – No dia seguinte à perca de seu goleiro titular nos últimos cinco anos, com a venda de Marcelo Grohe ao Al-Ittihad, da Arábia Saudita, por cerca de R$ 11,6 milhões, o Grêmio já traçou planos A, B e C para repor a vaga em aberto no elenco.

A primeira opção, entretanto, já esbarrou na dificuldade de negociação com o Ceará. É que o time cearense já recusou a primeira proposta gremista de emprestar dois jogadores (Marinho e Lima) com os salários pagos em troca do goleiro Éverson, de 28 anos.

O Vozão quer R$ 6 milhões pelo goleiro ou um valor reduzido mediante a inclusão de três jogadores no negócio: Lima, que está emprestado ao Al-Wasl do Emirados Árabes Unidos, Jean Pyerre, que o Grêmio reluta em liberar pois faz parte dos planos, e Marinho.

Ainda assim, o Imortal tem outras opções, que já estão em andamento. O goleiro Léo Jardim, de 23 anos, foi chamado de volta de empréstimo ao Rio Ave, de Portugal. Em boa fase na Europa, ele disputou 19 partidas e despertou interesse de clubes maiores, como Sporting. O acordo para o retorno ainda não está definido. Outra opção é Julio Cesar, de 32 anos, e que disputou a última temporada pelo Fluminense.