Ex-prefeito condenado

O ex-prefeito e médico Lísias de Araújo Tomé foi condenado por improbidade administrativa por ter repassado R$ 10 mil ao Kart Clube de Cascavel em dezembro de 2008, quando estava prestes a deixar o cargo. O recurso seria usado para pagar adesivos, uma conta que foi adquirida antes de ser firmado convênio, o que foi considerado irregular pelo promotor Sérgio Machado. Além da suspensão dos direitos políticos por cinco anos e multa de R$ 10 mil, Lísias terá de devolver o montante com correção de 1% ao mês. Ainda cabe recurso.

Definitivo

Quem se deu bem com a nomeação de Gugu Bueno (PR) como superintendente da Casa Civil do Paraná foi o advogado Rafael Brugnerotto (PSB). Ele ficará na cadeira do Legislativo municipal, assumirá o mandato após rápidas passagens pela Câmara ano passado devido ao afastamento médico de Jaime Vazzata (Podemos). Desta vez, terá mais tempo para mostrar a que veio.

Posse abençoada

Se há algo que o novo presidente da Câmara, Alécio Espínola, não está poupando é convite para a posse. A sessão de segunda-feira promete ser cheia. Além das autoridades municipais, as eclesiásticas também estão na lista, entre elas o arcebispo católico Dom Mauro Aparecido dos Santos.

Titulação

Os diplomas de conclusão de ensino médio dos servidores da Câmara passam por um pente-fino o que deixou muita gente indignada e até recorreu à Justiça. O prazo terminou na última quarta-feira para a entrega dos documentos ao setor de recursos humanos. A contratação de 18 servidores está sendo questionada e correm o risco de serem exonerados. A Justiça negou os pedidos porque os cargos são comissionados, sem estabilidade.

Na economia

Alsir Pelissaro garante que a economia feita em dois anos restabeleceu o equilíbrio das contas. Quando ele assumiu a Cettrans, disse que havia uma dívida de R$ 1,1 milhão. Desde então renegociou as compras com todos os fornecedores e conseguiu desconto de R$ 801 mil. Em nova licitação de produtos, a compra antes estimada em R$ 1,8 milhão ficou em R$ 1,2 milhão, uma diferença de R$ 600 mil. A soma das duas sobras, de R$ 1,4 milhão, foi suficiente para sanar o déficit.

*O Conselho Territorial do Programa Território Cidadão realiza reunião com os moradores do Santa Cruz, do Esmeralda, do Santos Dumont e do Santo Inácio no próximo dia 8, às 20h, no CEU.

*O corte de horas extras tem dado o que falar nos corredores da Prefeitura de Cascavel.

*Quem recebia justamente agora quer dedurar os que recebiam (ou recebem) sem merecer.