Rio de Janeiro – Decacampeão brasileiro, o Palmeiras esteve muito bem representado na premiação da competição realizada pela CBF. A festa foi ontem à noite, na sede da entidade, no Rio de Janeiro, mas, como praxe, o time vencedor já esperava dominar a premiação antes mesmo do anúncio dos melhores.

Expectativa ainda maior tinha o atacante Dudu, camisa 7 palmeirense e craque do Brasileirão 2018. O comandante do Verdão, Luis Felipe Scolari, foi o melhor técnico. O treinador, aliás, deixou o campeonato invicto, com 16 vitórias e seis empates, num aproveitamento de 90% dos pontos. Aliás, com 54 pontos conquistados, dos 60 disputados, Felipão ficaria à frente de 13 times na classificação se fosse um time.

O triunfo no Brasileirão ainda serviu para Felipão se isolar ainda mais como o técnico brasileiro mais vencedor da história. Agora o gaúcho soma 27 títulos na carreira. O segundo colocado da lista é Vanderlei Luxemburgo, com 23 troféus no currículo – o último deles, o Campeonato Pernambucano de 2017 pelo Sport.