Dom Adelar Baruffi saiu da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) nessa terça-feira (16) e está se recuperando no quarto, conforme boletim.

A Arquidiocese informou que as notícias são boas. O arcebispo caminhou da UTI até o quarto. Ele está com os movimentos e sinais vitais normais. “Quando nos viu abriu um largo sorriso”, informaram.

De acordo com o boletim, Dom Adelar recebeu saudação de Núncio Apostólico, por meio de chamada de vídeo, que lhe desejou boa recuperação.

O arcebispo metropolitano foi submetido a um procedimento cirúrgico que durou quatro horas na segunda-feira (15) no Instituto de Neurologia de Curitiba (INC) em Curitiba.

O tumor está na região frontal esquerda. No procedimento foram usados o Neuronavegador e o corante 5 ala (ácido 5-aminolevulínico) um corante que faz com que o tumor cerebral adquira uma coloração avermelhada. Isso permite que o neurocirurgião visualize os limites tumorais com clareza, informou a nota.

ARCEBISPO

Há 9 dias o arcebispo foi internado após sofrer crise convulsiva. Exames diagnosticaram tumor cerebral de tamanho considerável. Na semana passada ele foi transferido para Curitiba onde a cirurgia foi realizada.

O arcebispo permanecerá em Curitiba por 4 semanas para a realização da radioterapia. Sobre a quimioterapia, não existe ainda definição quanto a realizá-la ou não.

Biografia e trajetória de dom Adelar Baruffi

Natural de Coronel Pilar (RS), nasceu em 19 de outubro de 1969. Ingressou no seminário aos 15 anos. Possui formação em Filosofia e Teologia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Recebeu a ordenação presbiteral em 22 de janeiro de 1995.

Foi nomeado bispo pelo Papa Francisco, em 17 de dezembro de 2014. Sua ordenação episcopal foi realizada no dia 07 de março de 2015, no santuário diocesano de Santo Antônio de Bento Gonçalves-RS, sendo empossado bispo diocesano de Cruz Alta no dia 15 de março, na catedral Divino Espírito Santo. Dom Adelar é mestre em Teologia e especialista em Espiritualidade pela Pontifícia Faculdade Teológica Teresianum, em Roma.

(Com informações Arquidiocese e Portal Catve)