Belo Horizonte – Derrotado por 2 a 0 no jogo de ida das quartas de final da Copa Libertadores na Argentina, o Cruzeiro reencontra o Boca Juniors nesta quinta-feira para o duelo derradeiro pela vaga na semifinal, às 21h45 no Mineirão.

A Raposa precisa vencer por três gols de diferença para avançar de fase diretamente e enfrentar Palmeiras ou Colo-Colo, que definiram ontem à noite a outra vaga. Caso devolva o placar da ida, a decisão será nos pênaltis, ao passo que se sofrer um gol, o time celeste terá de marcar quatro.

Em busca de reverter a vantagem do time argentino, o técnico Menezes conta com o elenco completo pela primeira vez nesta Libertadores. Os principais responsáveis por isso são o meia Arrascaeta, recuperado de lesão na coxa esquerda, e o zagueiro Dedé, livre do cartão vermelho recebido no jogo de ida após trombada acidental com o goleiro Andrada.

Já o Boca, além do arqueiro que fraturou o maxilar no choque com o cruzeirense, não conta também com o lateral-direito Jara e o centroavante Benedetto, ambos por lesão. Vale lembrar que o time do Guillermo Schelotto vencia o Cruzeiro por 1 a 0 até a expulsão de Dedé. Depois, aproveitou a superioridade numérica para abrir a vantagem de dois gols.