PR na frente

O chefe da Casa Civil, Guto Silva, comemora o lançamento do comitê público-privado de pautas da ESG do Brasil. “O Paraná sai na frente de novo. Nosso Estado é pioneiro no País, a iniciativa promove uma cooperação entre representantes de empresas privadas e do Governo do Estado para a criação de uma agenda a longo prazo que promova soluções para desafios do Paraná, englobando questões ambientais, sociais e de governança”, disse. Na prática, o grupo passa a enfrentar de forma coordenada os desafios socioambientais do Estado. O comitê é liderado pelo Governo do Estado e pelo Grupo Boticário, e já conta com a adesão de empresas como Klabin, JBS, Sanepar, Renault, Itaipu e Volkswagen.

 

Guto Silva comemora o lançamento do comitê público-privado de pautas da ESG, iniciativa pioneira no Brasil

AEN

 

Saldo positivo

O Paraná completou o nono mês consecutivo com saldo positivo na criação de empregos com carteira assinada. Levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta terça-feira (26) pelo Ministério do Trabalho e Previdência, revelou que o Estado abriu 15.059 vagas formais em setembro. O resultado fez com que resultado de 2021 chegasse à marca de 168.597 contratações, o quarto melhor desempenho do País, atrás apenas de São Paulo (786.628), Minas Gerais (290.082) e Santa Catarina (176.789).

 

Pedagiômetro

O deputado estadual Tercilio Turini (CDN) pediu à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) a inclusão do pedagiômetro no edital de licitação e nos contratos das futuras concessões de rodovias do Paraná. A intenção é obrigar as novas concessionárias a cumprirem a lei estadual que determina a implantação do instrumento para fiscalização do movimento de veículos e valores arrecadados nas praças de pedágio.

 

Pedagiômetro II

Tercilio Turini destacou que o pedagiômetro, previsto na lei estadual 18.696/2016, é um mecanismo que facilitará a fiscalização com acesso on-line às informações sobre a receita do pedágio. E citou alguns resultados práticos com a implantação: transparência na divulgação dos números, acompanhamento em tempo real do faturamento das concessionárias e possibilidade de comparar arrecadação com pedágio e investimentos em obras e serviços.

 

Posse na defensoria

André Ribeiro Giamberardino tomou posse nesta segunda-feira (25) como novo defensor público-geral do Paraná. Com mandato de dois anos, ele substitui a Eduardo Abraão, que ocupou o posto a partir de 2013. Eleito no dia 26 de julho para o biênio 2021-2023, Giamberardino foi coordenador durante três anos (2018 a 2021) do Núcleo de Política Criminal e Execução Penal (Nuped), que atua na promoção e defesa dos direitos e garantias da população privada de liberdade. “Queremos aproximar ainda mais a Defensoria Pública da população”, disse Giamberardino.

 

Sem máscara

O secretário estadual de Saúde Beto Preto afirma que a flexibilização do uso de máscaras ainda não tem data para ocorrer no Paraná. Porém, dependendo do ritmo da pandemia, pode haver uma avaliação para a flexibilização entre o fim de 2021 e início de 2022, no verão. “Aumentando o quantitativo de paranaenses com o esquema vacinal completo, isso nos leva a crer que no verão, no início do ano, teremos a possibilidade de flexibilizar. Nossa função aqui é analisar diariamente os números. Paciência, cautela e colaboração”, disse.