Foz do Iguaçu – A CAA/PR (Caixa de Assistência do Paraná) pretende inaugurar o Centro de Convivência dos Advogados de Foz do Iguaçu neste mês de agosto. Será a quarta unidade a entrar em funcionamento no Estado, do projeto que disponibiliza serviços para saúde, lazer e entretenimento, promoção social, incentivo à prática esportiva e convívio entre os profissionais da classe e seus familiares. Já estão em funcionamento os Centros de Convivência de Londrina, Cascavel e Maringá, além dos Espaços de Convivência em diversas Subseções da OAB no Paraná.

O Centro de Convivência de Foz terá um salão de festas para 150 pessoas, quiosque com churrasqueira para 40 pessoas, campo de futebol com vestiários e estacionamento. O novo Centro está localizado em um terreno de 13.700 metros quadrados na Vila A, próximo ao centro administrativo da Itaipu Binacional, que cedeu a área em comodato, numa região de fácil acesso.

O diretor da CAA/PR, José Carlos Dias Neto, esteve em Foz do Iguaçu para vistoriar as obras. “A construtora vem fazendo um excelente trabalho e o cronograma das obras está dentro da previsão para a inauguração em agosto. O salão principal já está com vidros instalados, piso assentado e forro, restando somente a parte externa e o quiosque para serem concluídos”, afirma o diretor da CAA/PR.

O presidente da CAA/PR, Artur Piancastelli, destaca a importância do espaço para a advocacia: “Será o quarto grande Centro de Convivência do Estado a oferecer mais saúde e qualidade de vida aos profissionais da categoria. A Caixa de Assistência está investindo bastante também em Espaços de Convivência em benefício dos advogados de todo o estado. Os investimentos são proporcionais ao número de advogados devidamente inscritos em cada Subseção”, explica o presidente.

Além do diretor da Caixa dos Advogados do Paraná, a visita às obras foi acompanha pelo delegado da CAA/PR em Foz do Iguaçu, Eduardo Costa Apolinário, pelo presidente da OAB Foz do Iguaçu, Valter Cândido Domingos, e pelos conselheiros estaduais da OAB Gilder Cezar Longui Neres e Abner Wandemberg Rabelo.

Espaços de Convivência

O projeto que disponibiliza estrutura adequada para a promoção de eventos e confraternizações entre os profissionais da classe totaliza 17 unidades no Paraná, contabilizando as nove em atividade (Arapongas, Assis Chateaubriand, Bandeirantes, Campo Largo, Francisco Beltrão, Palotina, Paranavaí, União da Vitória e Wenceslau Braz), quatro a serem inaugurados em breve (Irati, Pitanga, Rio Negro e Telêmaco Borba) e as quatro em obras ou projeto (Castro, Goioerê, Nova Esperança e Umuarama). “Esses 21 espaços de lazer e entretenimento para os profissionais da classe, já em atividade ou em obras, também podem gerar receitas para as Subseções, com eventuais locações”, ressalta Artur Piancastelli.