Artilheiro do Manaus, Rossini comemora gols na final contra o Brusque

Camisa 10 do Gavião fala sobre o poder de reação do time e pede apoio da torcida para buscar o triunfo no jogo da volta e, consequentemente, o título inédito

A Série D do Campeonato Brasileiro 2019 teve o primeiro capítulo da decisão disputado na tarde deste sábado (11). No Augusto Bauer, Brusque e Manaus travaram um duelo digno de final de competição nacional, com muita emoção. Jogando com o apoio da torcida, que ocupou os pouco mais de cinco mil lugares do estádio, o Marreco saiu na frente e chegou a abrir 2 a 0 de vantagem já no segundo tempo. O Gavião reagiu rápido e buscou a igualdade, levando um 2 a 2 para a capital amazonense. Camisa 10 manauara, Rossini foi fundamental para manter o equilíbrio no marcador.

O meia não deixou a grupo se abater, incentivou bastante os companheiros e marcou os dois gols do Manaus. Após a partida, o Rossini conversou com a equipe do site da CBF e compartilhou a emoção de balançar a rede em uma decisão de competição nacional.

– A gente é brasileiro e não desiste nunca. Respeitamos o adversário, que é uma grande equipe, mas é como eu falei: a nossa equipe tem algo a mais para conquistar. O melhor está por vir. Em nome de Jesus, a gente espera que a nossa torcida possa comparecer na Arena da Amazônia, passar o incentivo dela, nos ajudar e a gente possa ser campeão – declarou.

O Manaus não terá o seu craque do jogo de ida na finalíssima. Rossini estava pendurado, levou o terceiro cartão amarelo neste domingo e terá de cumprir a suspensão automática. Por sua vez, o camisa 10 acredita na força do elenco.

– Infelizmente não vou poder estar dentro de campo, mas estarei presente mesmo fora. Mas juntamente com os meus companheiros espero que quem entrar possa dar o seu melhor e nos ajudar a ser campeão – acrescentou.

A bola rola para Manaus e Brusque no jogo da volta no próximo domingo (18), às 16h (de Brasília), na Arena da Amazônia. As duas equipes jogam por uma vitória para alcançarem o inédito título, já que um novo empate, independentemente do placar, leva a decisão para os pênaltis.

 



Fale com a Redação

quatro × cinco =