Cascavel – Depois de três dias bastante gelados, o oeste começa a voltar ao normal do inverno, com temperaturas variando entre 10ºC e 22ºC. Pelo menos até o dia 14 de julho não há previsão de voltarmos a ver os campos cobertos por gelo conforme o cenário desta semana.

A geada ontem atingiu praticamente todo o Paraná, com intensidade forte em boa parte do oeste, com mínimas negativas em diversas cidades. Cascavel marcou -1ºC, Foz do Iguaçu fez 1ºC e Guaíra, 2ºC. As máximas não passaram de 13ºC, apesar do sol. Segundo o Simepar, a temperatura mais baixa foi registrada em Guarapuava e União da Vitória, onde fez -2ºC.

Esta quinta-feira também amanhece fria, com 4ºC em Cascavel, mas o sol vai aos poucos aquecendo o dia, até chegar a 17ºC, o dobro do registrado na última terça-feira. Pode haver formação de geada nas áreas mais baixas, mas em menor intensidade.

Em Foz do Iguaçu, a mínima de sexta será 8ºC, e, assim como em toda a região, ficará nos 12ºC ao longo dos próximos dias, com máximas de 23ºC a 25ºC. O sol reina absoluto pelas próximas duas semanas, sem previsão de chuva.

 

Estragos

A formação de geada provocou belos cenários e muita gente encarou o friozão para fazer fotos. O fotógrafo Celso Dias percorreu Cascavel na manhã de ontem e enriqueceu seu acervo, conforme você confere no cineminha nesta página.

Mas, além de belas imagens, a geada deixou o campo em alerta. A expectativa agora é mensurar os danos que os três dias de gelo deixaram. O milho está 100% suscetível e deve perder qualidade. Nesse caso, os danos só serão confirmados com a colheita.

As pastagens também foram afetadas e pode haver dificuldade para a alimentação do gado.

Além disso, o fenômeno prejudica as hortas, podendo haver falta temporária de folhagens e outros vegetais, que ficaram expostos ao gelo.

Foto: Celso Dias