ESPORTES

Após anunciar Léo Moura, Vasco pode ser processado por time dos EUA

22 de junho de 2015 às 17:09
Publicidade

Rio de Janeiro – “Léo Moura e Herrera estão contratados também”. Assim, de forma clara e sem detalhes, o presidente Eurico Miranda anunciou nesta segunda-feira (22) os dois novos reforços do Vasco.

O acerto com o lateral direito que defendeu o Flamengo até o início deste ano, contudo, ainda pode virar questão de Justiça. O Fort Lauderdale Strikers, time que o atleta defende nos Estados Unidos, foi surpreendido e estuda processar a equipe carioca.

“Nós estamos surpresos. Ele não pode falar isso. Vamos procurar as vias legais”, disse Ricardo Geromel, sócio-gestor do time que disputa a NASL, liga de futebol independente da MLS, que é a maior do país na modalidade.

O time de Fort Lauderdale esteve no Brasil na semana passada para disputar no sábado (20), em Campinas, um amistoso contra a Ponte Preta (o time da casa venceu por 4 a 0). Depois, o elenco da equipe norte-americana recebeu folga até sexta-feira (26).

“Ele veio para o Brasil com a gente, jogou contra a Ponte Preta e depois foi para o Rio de folga. Agora veio esse anúncio. Nós estamos surpresos”, repetiu Geromel. “Ele tem contrato vigente, e nós já começamos a conversar com os advogados”, completou.

Léo Moura era o capitão do Flamengo até março de 2015, quando acertou transferência para o Strikers. Na equipe norte-americana, recebeu a camisa 10 e passou a atuar como armador.

(Com informações do UOL Esporte)

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE