Se a potência surpreende para um veículo dessa categoria, o torque não fica atrás: são 640 N.m, entre 2.200 rpm e 5.400 rpm

Para completar a linha 2019 do utilitário esportivo XC60, a Volvo Cars destinou para a versão esportiva R-Design seu powertrain mais poderoso. Assim, a fabricante sueca, que abriu recentemente a pré-venda do XC60 T8 no Brasil, apresenta seu segundo modelo híbrido, equipado com motor de 407 hp.

Se a potência surpreende para um veículo dessa categoria, o torque não fica atrás: são 640 N.m, entre 2.200 rpm e 5.400 rpm. Para chegar a esse resultado, o SUV alia o potente motor Drive-E Turbo Supercharger de 2 litros e 4 cilindros de 320 hp, com um motor elétrico de 87 hp, que apresenta torque instantâneo nas rodas traseiras. Ele é alimentado por uma bateria de íons de lítio com capacidade de 10,4 Kwh.

Os números desse propulsor geram um desempenho arrebatador e digno de carro esportivo, afinal, mesmo com 2.174 kg, o SUV vai de 0 a 100 km/h em apenas 5,3 segundos. Trata-se do modelo mais rápido e potente de sua categoria.

O controle dinâmico do modelo é ajudado pelo posicionamento inteligente da bateria. Instalada na área central, ao longo do túnel do chassi, ela não compromete o espaço interno para os passageiros e para a bagagem, além de oferecer melhor distribuição de peso.

Compatível no modo plug-in, o novo veículo híbrido se junta ao XC90 T8, lançado em 2017 no país, para aumentar a gama eletrificada da marca e oferecer ao consumidor uma combinação inigualável em um modelo premium: potência, luxo, tecnologia, segurança, baixo consumo e reduzido nível de emissão.

Design

A forte personalidade da dianteira é expressada pela grade e para-choques exclusivos da versão, além do mais avançado sistema de iluminação do segmento. O Volvo FULL LED System incorpora quatro funções aos faróis:

• Automatic Bending Lights (ABL): faróis auto-direcionais que acompanham o giro do volante para melhorar a iluminação nas curvas. A inclinação do facho do farol pode chegar a até 30º;

• Active High Beam (AHB): os faróis possuem um sistema automático que adapta a luz alta para evitar o ofuscamento dos carros que vêm em sentido contrário ou que estejam à frente no mesmo sentido;

• Nivelamento automático: o facho do farol mantém automaticamente a posição adequada, de acordo com o número de ocupantes e o carregamento do veículo;

• Daytime Running Lights (DRL) e acendimento automático: desenhadas no formato "T" (martelo de Thor), a luz de posição diurna contribui para a visualização do veículo, mesmo em dias muito claros. O sensor de iluminação e detecção de túnel ativa de forma automática o farol baixo em caso de situações de baixa iluminação.

A esportividade na traseira também está presente com spoiler exclusivo e saída dupla do escapamento cromada e integrada ao para-choque. O conjunto ótico elevado que caracteriza o modelo conta com feixes de LED e tem desenho marcante que se prolonga na tampa do porta-malas.

Legenda:

A esportividade na traseira também está presente com spoiler exclusivo e saída dupla do escapamento cromada e integrada ao para-choque

Crédito: Divulgação