Universidade de Harvard oferece 35 cursos gratuitos online de arquitetura

Prestigiada universidade oferece a alunos de todo o mundo a possibilidade de ampliar seus conhecimentos sobre arquitetura e urbanismo

A Universidade de Harvard é uma das instituições de ensino mais reconhecidas e premiadas na América. Ter o nome Harvard em um currículo significa trazer ainda mais notoriedade e credibilidade aos profissionais, devido ao grande peso que a instituição norte-americana representa atualmente.

Se você deseja adquirir esse prestígio, ele pode ser alcançado de uma maneira mais rápida e econômica do que você pensa. A organização da universidade está oferecendo cursos online e gratuitos para pessoas que se interessam por arquitetura e urbanismo.

Os cursos são disponibilizadas por uma plataforma que tem parceria com Harvard e o MIT, outra instituição de ensino de grande prestígio nos Estados Unidos e no mundo. A plataforma edX oferece esses cursos gratuitamente os interessados, mas para as pessoas que atingirem a média das atividades propostas e quiserem um certificado, será necessário o pagamento de uma taxa de US$ 99, o equivalente a aproximadamente R$ 400. Se o aluno não desejar o certificado, não é necessário fazer esse pagamento.

Na lista dos cursos EAD, estão assuntos muito importantes dentro da arquitetura e do urbanismo, como questões relacionadas ao patrimônio, sustentabilidade, futuro das cidades, modelagem, arquitetura vernacular, cidades responsivas e história da arquitetura.

Educação a distância se torna popular no país

Não é apenas a prestigiada universidade norte-americana que tem disponibilizado cursos online e gratuitos. A USP, Unicamp e outras universidades brasileiras também têm criado cursos abertos e de extensão para quem deseja ampliar seus conhecimentos ou se aprofundar em determinados assuntos de seu interesse.

É possível encontrar desde curso de idiomas, profissionalizantes ou graduações na modalidade a distância. Essa nova forma de aprender e ensinar tem criado um novo campo de atuação para as universidades e escolas, democratizando o ensino e permitindo que mais pessoas possam ter acesso a diplomas que ajudam a ingressar no mercado de trabalho formal.

Para quem já possui um curso de formação e atua na área, é possível optar por esses cursos a distância para complementar seus estudos ou até mesmo para se especializar em determinadas áreas. Desta forma a pessoa tem mais flexibilidade para estudar, sem precisar abandonar o emprego para arranjar o tempo necessário para se dedicar às atividades propostas.

O Ministério da Educação prevê a ampliação de cursos em modalidade EAD e a regulamentação para que cada vez mais cursos possam ser oferecidos online para alunos de todo o Brasil.

Informe publicitário. 



Fale com a Redação

dezessete − 11 =