UFC 239: Brasileiros têm parada dura

Marreta e Leoa contra Jon Jones e Holly Holm

Las Vegas – Las Vegas será palco de um dos eventos mais aguardados do ano. Neste sábado (6), a partir das 19h15 (horário de Brasília), o UFC 239 chega com duas disputas de cinturão envolvendo brasileiros. Um prato cheio para os amantes do esporte.

Jon Jones é considerado um dos mais qualificados do MMA na atualidade e defende pela décima vez o cinturão enfrentando o brasileiro Thiago Marreta.

O americano busca uma atuação de mais brilho, já que passou por seu compatriota Anthony Smith com um desempenho meio apagado em sua última luta. Caso derrote o brasileiro, será o campeão mais dominante do UFC, com dez defesas de cinturão incontestáveis.

Já Thiago Marreta é o quarto brasileiro a tentar destronar Jon Jones. O carioca possui em seu currículo uma marca histórica na categoria dos médios, ao igualar o recorde de nocautes de Anderson Silva. Agora nos meio-pesados, Marreta tem se dado muito bem, com três nocautes incríveis. Ele tentará o que Lyoto Machida, Vitor Belfort e Glover Teixeira não chegaram nem perto.

Melhor do mundo

A baiana Amanda Nunes defende o cinturão peso-galo contra a única ex-campeã da categoria que ainda não enfrentou. A americana Holly Holm está no caminho da Leoa, que pode, de fato, provar que é a melhor lutadora de MMA do mundo.

Antes dela, os nomes mais destacados eram o da curitibana Cris Cyborg e o da americana Ronda Rousey. E o grande detalhe é que as duas não passaram de um minuto de luta com Amanda Nunes.

Atração

Para quem acha que o UFC 239 está resumido às duas lutas citadas, engana-se. Nomes de destaque da organização também estão escalados, como a brasileira Claudinha Gadelha. Outros confrontos de peso são Jorge Masvidal x Ben Askren; Luke Rockhold x Jan Blachowicz; Diego Sanchez x Michael Chiesa.

 



Fale com a Redação

vinte − 8 =