O Sistema de Informações Digitais (SID) da Prefeitura de Foz do Iguaçu completa 90 dias nesta sexta-feira (30), com importantes avanços na gestão dos documentos do Poder Público Municipal. Nestes três primeiros meses, mais de dez mil papéis foram substituídos pelo formato digital. Economia, sustentabilidade, celeridade e transparência são pontos-chaves da inovação tecnológica que já está sendo replicada pela Câmara Municipal de Vereadores.

A medida atende aos Decretos nº 28.900 e 28.901, de 20 de janeiro de 2021, que proibiram o uso do papel na Administração Pública e implantaram o Sistema de Informações Digitais (SID).

Para o prefeito Chico Brasileiro, uma das principais vantagens da implantação do Sistema de Informações Digitais é a maior transparência nos atos públicos. “O sistema permite que, assim que documentos, como contratos da administração municipal, são assinados, sejam automaticamente direcionados para o Portal da Transparência, ficando disponíveis para o acesso dos cidadãos. Queremos garantir à população essa transparência nas ações que estamos desempenhando à frente da administração municipal”, ressalta.

A solução tecnológica foi uma das principais estratégias implantadas pelo secretário de Administração, Nilton Bobato, ao assumir a pasta neste ano. Desde fevereiro, o uso do papel está abolido quase que em sua totalidade, o que deve gerar uma economia de cerca de R$500 mil por ano com impressões dos documentos em meio físico, transporte e arquivamento.

“Avançamos muito na implementação do SID e já é possível notar os impactos positivos da medida para o ambiente institucional, que refletem na prestação de serviços para a população. Além da sustentabilidade, a medida garante maior celeridade nos processos internos e a economia gerada se reverte em obras para a comunidade”, comentou Bobato.

A informatização também tem sido uma importante aliada para a prevenção da transmissão do coronavírus, uma vez que, além de dispensar o suporte em meio físico, reduziu a necessidade de contato presencial para tramitação dos documentos.

“A tecnologia tem sido fundamental neste momento em que o distanciamento social representa a proteção à vida”, complementou Bobato.

Funcionamento – O SID foi desenvolvido pelos servidores da Secretaria Municipal de Tecnologia da Informação que gerencia o trâmite de documentos e seus devidos despachos com assinaturas eletrônicas. O novo sistema transformou a rotina dos servidores municipais, como explica a agente administrativa, Vanessa Augusta Erhart.

“Eu gosto muito desse sistema e ele está representando uma grande diferença em vários aspectos. A sustentabilidade é um deles. Há penalizações que antes geravam mais de duas mil folhas. Além disso, os processos internos estão mais ágeis e o sistema contribui para maior monitoramento e transparência nas tramitações”, contou.

O próximo passo da gestão é implantar o Protocolo Digital pela Secretaria Municipal de Tecnologia da Informação e Secretaria Municipal da Administração, bem como para os demais documentos administrativos no âmbito do Poder Executivo Municipal.