Segundo a cultura popular, a sexta-feira 13 é conhecida como “o dia do azar” ou o dia para “usar amuleto no bolso”. Então vou aproveitar para falar o que acontece nesta data tão especial e energeticamente potente.

Para começar, a superstição e o azar estão ligados apenas à acomodação e a falta de fé. É uma maneira de encontrarmos os culpados para os nossos insucessos ou fracassos. Se dá errado, a culpa é de alguém. Se der certo, somos sortudos!

A palavra superstição primitivamente significava “vidente” ou “profeta”.

Já o número 13, para começar, corresponde à letra hebraica Mem, que representa o Renascimento e a Liberdade. Então, aproveite a oportunidade vibratória, para combater preconceitos, desmistificar símbolos e deixar para trás crenças limitantes. Use a oportunidade de relacionar esta data a busca por equilíbrio espiritual e prosperidade, dia de transformações e início de um novo ciclo.

A sexta-feira 13 tem um poder especial para: trazer boas energias e realizar seus maiores desejos.  Aproveite então as energias de sexta-feira 13, e faça rituais, banhos e simpatias para abrir suas possibilidades!

Banho para tirar negatividades

Ferva a água, coloque 3 dentes de alho, 1 ramo de tomilho fresco, 1 ramo de alfavaca fresca e 1 ramo de sálvia fresca. Conte até 5 e desligue a água. Abafe por, pelo menos, 15 minutos. Deixe esfriar até ficar em uma temperatura agradável.

Tome seu banho higiênico e, em seguida, despeje no seu corpo o banho de ervas do pescoço para baixo. Enxugue-se com a toalha.

Banho para abrir caminhos e prosperidade

Ferva a água e coloque 1 ramo de levante, 1 ramo de manjericão e 1 ramo de alecrim. Conte até 5 e desligue o fogo. Tampe e deixe abafado por, pelo menos, 15 minutos. Deixe esfriar até ficar em uma temperatura agradável. Tome seu banho higiênico e depois despeje o banho da prosperidade no seu corpo do pescoço para baixo. Enxugue-se com a toalha.

Você consegue o que deseja conforme você vibra.

 

Fonte: João Bidu