Porto Alegre – A notícia da demissão de Miguel Angel Ramirez, na tarde de ontem, não chega a ser surpresa para o torcedor do Internacional, que já viu nove treinadores assumirem o time nos últimos anos com a mesma base do elenco. Contratado para um processo de reformulação, o técnico não resistiu a eliminação na Copa do Brasil, e deve receber uma multa rescisória na casa dos R$ 10 milhões. Junto a Ramírez, deixam o clube o auxiliar Martín Anselmi, o preparador físico Cristóbal Fuentes e o analista de desempenho Luis Piedrahita.

Tentando reverter a situação, o elenco volta a campo neste domingo, diante do Bahia, no Estádio de Pituaçu.