"O que seria das crianças sem a escola?" Com esta pergunta a estudante Laura Bonzanini Vieira, 9 anos, estudante da Escola Municipal Gladis Maria Tibola e membra do Conselho Mirim Escolar, encerrou a solenidade de assinatura da ordem de serviço para a construção do novo prédio da instituição. De acordo com o prefeito Leonaldo Paranhos, este foi o primeiro ato oficial do Governo Municipal em 2019 "e é um marco para nós, porque retrata o nosso governo: um governo focado na justiça; estamos tentando ser justos com todos preferencialmente para quem mais precisa das políticas públicas". 

O novo prédio da Gladis Tibola receberá investimentos de R$ 6.221.715,76. A obra deverá estar pronta até dezembro. "No meu plano pessoal era para que esta escola estivesse pronta em janeiro de 2018, mas tudo tem sua hora, seu tempo. O contrato é de 12 meses. É um contrato que inicia na data de hoje (17) até janeiro de 2020. Mas, pedimos ao empresário Marcos Guilherme, que antecipasse o prazo para entregar o Gladis Tibola em dezembro e isso seria de 20 a 30 dias antes o que nos traria um pouquinho de folga para mobiliarmos a escola", disse o prefeito Paranhos que lembrou ainda que em 2017 e 2018, foram empenhados R$ 45 milhões a mais na educação, em relação aos  anos 2015 e 2016. 

A subprocuradora municipal, Laura Rossi Leite, destacou em seu pronunciamento a importância desta obra, porque o terreno onde será edificada a Escola Gladis Tibola, esteve em posse de terceiros durante muitos anos e em razão de uma medida judicial, o Município conseguiu a retomada do imóvel que foi incorporado ao patrimônio público, "onde  tivemos a oportunidade de ter todos os projetos e estudos aprovados para esta área que foi  indicada para construção da escola. Agora, a população poderá voltar a usar o imóvel com a construção da Escola Gladis Tibola". 

O presidente da comissão de educação da Câmara, vereador Carlinhos de Oliveira, destacou o comprometimento da atual gestão com a educação em Cascavel que agora  realiza o sonho da comunidade escolar do Gladis Tibola, que ao longo dos anos passa por dificuldades de espaço físico e logística para atender da melhor forma possível as crianças. Ressalto, e parabenizo toda equipe da Secretaria de Educação pelo projeto e o governo municipal pela execução a obra".

Já a secretária Marcia Baldini, da Educação,  lembrou que a construção da Gladis Tibola era uma obra que constava no plano de governo do prefeito Paranhos e agora torna-se realidade. "É uma obra grande que passa de três mil metros quadrados e mais de R$6 milhões em investimentos e,  nós vamos estar em cima acompanhando, cobrando e fiscalizando a execução dos serviços porque queremos o melhor para as nossas crianças".

Sobre este acompanhamento, o presidente do Conselho de Acompanhamento das Obras, Vilson de Oliveira, disse que foi formada uma comissão no final do ano passado para fiscalizar a execução do projeto e "sempre que houver uma medição da obra para fazer o pagamento, queremos pedir ao prefeito Paranhos, que leve em consideração o relatório  que esta comissão irá produzir e que irá apontar a qualidade do serviço". 

O líder do governo na Câmara, vereador Rômulo Quintino destacou que "este governo não está apenas no campo da conversa e propaganda. Conversa, sim, para resolver problemas e devolver à comunidade escolar a dignidade que merecem nossos alunos e professores".

 Novas escolas

Durante a solenidade, o prefeito Leonaldo Paranhos anunciou a inauguração de novas escolas este ano em Sede Alvorada, no bairro Paulo Godoy e no Parque Verde. "As escolas estão totalmente prontas para receber os alunos e é este o ritmo que vamos implantar neste ano de 2019 e 2020". Paranhos se disse motivado pelo empenho e dedicação dos professores e servidores da educação que "mesmo diante das dificuldades, não medem esforços para oferecer aos estudantes um ensino qualidade, prova disso é a Gladis Tibola. Mesmo funcionando de forma improvisada em um prédio alugado no centro da cidade, melhorou seu desempenho no Ideb".