H) Billboard Internas (320X50)

COTIDIANO

Nasceu na Apae

26 de dezembro de 2017 às 10:04
Publicidade

Quem vê o pequeno potrinho correndo ao lado da mãe pode até duvidar que ele tenha apenas pouco mais de uma semana de vida. O nascimento do animal na tarde no domingo (17) foi uma surpresa para toda a equipe da Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Cascavel e para as crianças o cavalinho será um novo amigo.

Ele tem sangue de cavalo de raça, assim como o pai chamado de Signed Love Dash cuja história na instituição é bastante peculiar. “Recebemos o cavalo por meio de doação com a informação de que fosse castrado”, comenta o responsável pelos cuidados dos animais, Miguel Cardoso Piana.

Por questões de comportamentos mais agressivos em relação aos demais animais que estão na Apae para o trabalho na equoterapia, Signed, que agora se tornou pai, precisou seguir para um novo lar. Ele permanece na Expovel e a expectativa é de que seja vendido.

No entanto, duas éguas e dois cavalos permanecem na instituição com a importante missão de auxiliar no tratamento de crianças com algum tipo de deficiência. “A equoterapia contribui para que elas tenham equilíbrio, autoconfiança e ajuda também no fortalecimento da musculatura”, cita o acadêmico do último ano do curso de Medicina Veterinária, Cláudio do Prado Piana, que realiza estágio na Apae e auxilia o pai nos cuidados dos animais.

Licença

A gestação da égua Tuca durou 11 meses e o trabalho de parto foi tranquilo. Pelos próximos meses ela se dedicará exclusivamente ao potrinho recém-nascido. “Durante oito meses ele precisará ser amamentado”, explica o acadêmico de medicina veterinária.

No futuro, o cavalinho deve seguir os passos dos pais. “A nossa expectativa é de que ele também auxilie na equoterapia e para isso é necessário esperar pelo tempo adequado de crescimento e treinamento do animal”, explica o presidente da Apae, Evilasio Schmitz.

Nome

Por enquanto o potrinho ainda não recebeu nome. A instituição estuda como fará a escolha, mas sugestões não deverão faltar pelas crianças que no retorno das férias irão conhecê-lo. “Por enquanto foram poucas as que viram ele, mas com certeza o potrinho será uma atração aqui na Apae”, comenta Viana.

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

K) Rodapé Internas (728x90) Desktop