201608060852521983_AFP.jpgTemer encerramentoBRASÍLIA – O presidente interino Michel Temer decidiu que não irá ao encerramento dos Jogos Olímpicos, no próximo domingo. Na sexta-feira, em entrevista no Palácio do Planalto, Temer foi indagado se iria ao encerramento e havia sinalizado positivamente:_ Devo ir, devo ir… _ respondeu.
A decisão de não participar do encerramento partiu do próprio Temer, que mostrou incômodo com as vaias da abertura e manifestações contrárias a ele exibidas em eventos.

Oficialmente, no entanto, a alegação é que os precedentes analisados pelo Itamaraty não preveem participação do presidente no encerramento dos Jogos. A ausência de Temer, no entanto, gera um problema. O presidente interino iria ao evento sobretudo para encontrar-se com o premier japonês Shinzo Abe, que virá ao país participar da cerimônia que marca a passagem da sede olímpica do Rio para Tóquio, que sediará os jogos em 2020. O cerimonial da presidência ainda não definiu como promover um encontro entre os dois.