Maratona de tecnologia do Show Rural Digital começa com 17 desafios em sua agenda

Em cada uma das equipes há um agricultor ou filho de cooperado inscrito

Quinze equipes trabalham desde às 9h desta segunda-feira para resolver 17 problemas comuns ao cotidiano do agronegócio. São 75 pessoas, com diferentes habilidades e conhecimentos, integradas aos desafios do Hackathon, uma das sensações da programação do Show Rural Digital. Os facilitadores são ligados à Acic Labs, Fiep/Senai e ao Sebrae.

O vice-presidente da Microempresa e um dos criadores do laboratório de tecnologia e inovação da Acic, Siro Canabarro, informou, na abertura dos trabalhos, que para cada ideia existem pelo menos cinco mil iguais no mundo. “Não há ideias únicas, o que ocorre nesse novo grande cenário é a execução, o colocar na prática um projeto que pode se tornar um grande sucesso”.

Os trabalhos deverão ser finalizados em prazo estimado de 30 horas. Depois, serão apresentados e defendidos em pitches. Uma comissão especialmente formada terá por atribuição escolher os melhores trabalhos. O vencedor receberá como prêmio uma viagem a um dos mais importantes ecossistemas de inovação do mundo – ano passado a equipe foi para a Califórnia.

O segundo e terceiro colocados ganharão prêmios em dinheiro. O anúncio dos vencedores ocorrerá na manhã de quarta-feira, na Arena Paraná, no SRD. O patrocinador máster do hackathon é a Cresol.



Fale com a Redação

9 + cinco =