Assunção – A estreia nos play-offs da Libertadores vai mostrar um Internacional bem diferente do time que disputou a fase de grupos. Nem mesmo a comissão técnica é a mesma. O time reencontra um conhecido adversário na competição, o Olímpia. Será a terceira vez nesta edição, com vantagem gaúcha de ter vencido os outros dois confrontos da fase de grupos: uma goleada em casa por 6×1 e uma vitória magra por 1×0 fora de casa (Yuri Alberto marcou aos 83′ e foi expulso aos 90′). A equipe paraguaia não joga desde 30 de maio, quando venceu o River Plate Asunción por 2×1 na rodada 18 do Campeonato Paraguaio. O Olimpia é o vice-líder da competição nacional, mas vê o time brasileiro chegar como leve favorito a avançar na Libertadores.

Apesar de estar com a série de cinco jogos sem vencer pelo Brasileirão, o colorado espera que as mudanças possam ajustar os setores em campo.

Na defesa, Daniel e Bruno Méndez devem formar dupla, enquanto o recém-contratado Gabriel Mercado não faz a sua estreia. O grande desfalque será por parte de Taison, que está com dores no tornozelo. Além disso é possível que Edenilson também fique de fora da partida, visto que o jogador aparentemente negocia sua saída do clube.

O jogo será no Estádio Manuel Ferreira, em Assunção, às 21h30 (de Brasília) desta quinta-feira.

Foto: Ricardo Duarte/Inter

 

FICHA TÉCNICA

Olímpia x Internacional – 21h30 – Est. Manuel Ferreira

 

Aguilar; La Cruz, Rolón, Santacruz e Ibarrol; Quintana, Rojas, Ojeda e Estigarribia; Pitta e González.

Daniel; Saravia, Bruno Méndez, Victor Cuesta e Moisés; Rodrigo Dourado, Edenílson (Johnny), Patrick, Mauricio e Boschilia (Caio Vidal); Yuri Alberto (Thiago Galhardo).