Retoma Foz

Um dos principais destinos do mundo, Foz do Iguaçu está isolada há cinco meses e vê sua principal atividade, o turismo, com dificuldades para a retomada. Para isso, algumas conquistas importantes vão sendo alcançadas, como a entrega de Certificados de Responsabilidade Sanitária e o Selo de Ambiente Protegido para mais de 40 empresas locais. E, segundo o prefeito Chico Brasileiro, Foz do Iguaçu será um dos primeiros destinos a retomar o turismo com segurança e responsabilidade.

 

Fronteiras fechadas I

O turismo de compras, impulsionado pela tríplice fronteira, também é outro reduzido a zero, devido ao fechamento das Pontes da Amizade e da Tancredo Neves. Do lado paraguaio, ao que tudo indica, será um jogo duro até haver a reabertura, apesar dos protestos de trabalhadores de diversas categorias.

 

Fronteiras fechadas II

E, quanto Cidade do Leste quase pegou fogo, a cidade vizinha Puerto Iguazu parecia até esquecida. A última vez que a fronteira entre Brasil e Argentina reabriu foi em 11 de maio, para a passagem de uma elefante que seria levada a um santuário ecológico no Mato Grosso. E só! Agora, empresários de turismo da cidade argentina começaram a se mexer cobrando a reabertura da Ponte Tancredo Neves. A pressão começou após o governo recuar na intenção de liberar voos de cabotagem em setembro.

 

Fora do ar

Diversas prefeituras da região comunicaram oficialmente ontem que vão tirar as páginas oficiais das redes sociais a partir de hoje. O objetivo é não dar margem para questionamentos de favorecimento aos prefeitos que pretendem disputar a reeleição, nem abuso de poder econômico nem autopromoção. Desde o início da pandemia, esse recurso virou febre e diversos prefeitos estrearam nas lives.

 

Estradas rurais

Em uma verdadeira maratona de inaugurações e lançamentos de obras nos últimos dias, hoje o prefeito Leonaldo Paranhos e o secretário de Agricultura, Renato Segalla, com a Itaipu Binacional, farão a entrega de obras de infraestrutura nas estradas rurais dos Distritos de São João do Oeste, Estrada Barzotto, Linha Nenevê, Rio Bonito, Jacob Munhak e Cachoeira Alta. A solenidade será às 14h, na Sede do Distrito de São João do Oeste – Início da Estrada Barzotto.

 

Reação

O Paraná registrou queda no número de solicitações do benefício do Seguro-Desemprego. O número de requerimentos em julho foi 42,28% menor em relação a maio: 36.149 pedidos enquanto em maio foram 62.634 solicitações.

 

Ar por água

Depois de Cascavel, agora os vereadores de Foz do Iguaçu aprovaram o Projeto de Lei 43/2020, apresentado pelo vereador Marcio Rosa (PSD), que autoriza a instalação de equipamento para eliminação de ar nas tubulações da rede de abastecimento de água em Foz, serviço prestado pela Sanepar.

 

 

Enfrentar servidores

O deputado federal Ricardo Barros (Progressistas-PR), novo líder do Governo na Câmara, defendeu a distribuição de cargos no governo ao chamado Centrão para fortalecer a articulação no Congresso e “enfrentar a corporação dos servidores públicos” para aprovar a reforma administrativa. Questionado pela rádio Eldorado se a negociação passaria por cargos, o deputado disse que a articulação inclui a “coalizão de governo”, uma vez que o presidente e seu partido têm apenas uma parcela de representantes no Congresso, precisando formar maiorias para a aprovação de suas matérias de interesse. Já em relação à reforma administrativa, o deputado afirmou que há “uma grande resistência da corporação de servidores públicos” e, por isso, será necessário “enfrentar essa corporação”.