Informe da redação do dia 16 de novembro de 2019

Cota de quinhentão

Agora é pra valer. O governo federal aumentou de US$ 300 para US$ 500 o valor da cota de compras de mercadorias adquiridas em países vizinhos do Brasil, como Paraguai e Argentina. A medida vale para aquisições trazidas por meio terrestre ou hidroviário (rios ou lagos) e entra em vigor dia 1º de janeiro.

Vice-líder

O presidente Jair Bolsonaro convidou o deputado paranaense Ricardo Barros (PP) para ser um dos vice-líderes do governo no Congresso Nacional. Barros, ex-ministro da Saúde, é considerado um dos políticos mais hábeis no trato com parlamentares em Brasília.

Transporte

A vereadora Anice Gazzaoui, relatora da CPI que investiga o transporte coletivo em Foz, vai abrir o debate sobre o serviço no Município, atendendo a pedido do Centro de Direitos Humanos e Memória Popular de Foz. A entidade quer que sejam discutidos o contrato, os problemas do transporte, as planilhas de custo, o itinerário e as tarifas. O sistema fracionado de compras da passagem, solicitado por alunos do CEEBJA, também entra no debate. A discussão é aberta a todos, dia 29 de novembro, às 9h, no plenário do Legislativo.

Augusto Cury

A Acimacar vai fechar com chave de ouro o ciclo de palestras do Fórum Empresarial 2019. No dia 20 de novembro, uma quarta-feira, ocorre uma das palestras mais aguardadas desta edição: Augusto Cury, médico-psiquiatra, pesquisador e escritor, considerado o autor mais lido da última década, falará sobre a gestão da emoção. Será no auditório Ecos da Liberdade, a partir das 19h30.

Desaprovadas

O TCE emitiu parecer prévio pela desaprovação das contas de 2016 da Prefeitura de Iracema do Oeste, comandado pelo prefeito Donizete Lemos (gestões 2013-2016 e 2017-2020). O motivo é a divergência entre informações financeiras enviadas ao Tribunal e aquelas apresentadas pela contabilidade do Município. O prefeito foi multado por atrasar a entrega de dados à corte, mas recorreu.

Cabideiro

A Itaipu avisou que vai recorrer da decisão da 4ª Vara do Trabalho de Curitiba que suspendeu a transferência dos funcionários de Curitiba para Foz do Iguaçu.

Tudo no portal

A Assembleia Legislativa vai ampliar a transparência na divulgação da prestação de contas dos deputados estaduais e estabelecer critérios mais rigorosos para reembolso das despesas da atividade parlamentar. Todas as notas fiscais serão publicadas no Portal da Transparência.

Nota Paraná

O deputado Hussein Bakri (PSD) anunciou a suspensão da alteração no Nota Paraná que prejudicava as 1,4 mil entidades assistenciais cadastradas no programa. Segundo Bakri, as instituições poderão continuar a receber notas fiscais de todo o Estado independente da cidade onde estejam sediadas.

Sinduscon Oeste

O engenheiro civil Ricardo Lora foi eleito presidente do Sinduscon Oeste (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Oeste do Paraná), em substituição ao também engenheiro civil João Luiz Broch. O mandato é de três anos. Ao todo, 87 votos foram contabilizados, sendo dois em branco. Fundado há 26 anos, o Sinduscon/Oeste possui mais de 200 associados de todos os segmentos do setor. A posse solene será no dia 29, às 20h, no Black Cap Eventos, em Cascavel.

Tancredo terceirizada

A conservação da Avenida Tancredo Neves, em Cascavel, passará a ser de responsabilidade de uma empresa terceirizada. A prefeitura acaba de abrir edital para escolher a empresa que receberá R$ 1,1 milhão por ano para manter o canteiro central. A licitação será dia 29.

Reforma do teatro

Finalmente deve sair a reforma das poltronas do Teatro Municipal de Cascavel. A adequação da plateia terá custo máximo de R$ 214,8 mil. A obra vem sendo prometida há dois anos e a previsão é de que ocorra no início do ano que vem, quando os espetáculos ficarão suspensos até que o espaço das poltronas seja ajustado.

 

 



Fale com a Redação

3 + cinco =