Curitiba – Pesquisa Ibope divulgada ontem à noite pelo G1 Paraná aponta que o deputado estadual Ratinho Júnior (PSD) lidera as intenções de voto para o governo do Estado com 33%, mas vem seguido pela governadora Cida Borghetti (PP), com 15%, e mais atrás, em terceiro estão o deputado federal João Arruda (MDB), com 5%.

O candidato do PT, ex-deputado federal Dr Rosinha foi citado por 3% dos entrevistados e o candidato do Psol, Professor Piva, por 2%. Ogier Buchi (PSL), Professor Ivan Bernardo (PSTU), Priscila Ebara (PCO) e Jorge Bernardi (Rede) têm 1% cada um. Geonísio Marinho (PRTB) não foi citado. Outros 22% dos entrevistados apontaram a intenção de anular ou votar em branco e 15% não souberam responder.

A pesquisa foi encomendada pela RPC e tem margem de erro de três pontos porcentuais para mais ou para menos. É o primeiro levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral. Foram ouvidos 1.008 eleitores de 19 a 21 de agosto. O levantamento foi registrado no TRE com o número PR-04869/2018 e no TSE com o número BR-06574/2018. O nível de confiança utilizado é de 95%.

Impugnação

A Coligação Paraná Inovador, de Ratinho Junior, e o candidato Ogier Buchi pediram a impugnação da pesquisa. A Justiça Eleitoral negou o pedido, mas determinou que a divulgação apresentasse a ressalva: “A pesquisa está sendo impugnada por duas representações eleitorais, ajuizadas por interessados diversos, segundo os quais a pesquisa não atendeu aos requisitos previstos na resolução nº 23.549 – TSE, especialmente quanto a insuficiente estratificação para o nível econômico dos eleitores respondentes”.

Confira o resultado da pesquisa estimulada:
Junior (PSD) 33%
Borghetti (Progressista) 15%
Arruda (MDB) 5%
Rosinha (PT) 3%
Piva (Psol) 2%
Buchi (PSL) 1%
Ivan (PSTU) 1%
Ebara (PCO) 1%
Bernardi (Rede) 1%
Marinho (PRTB) 0%
Brancos/nulos 22%
Não sabe 15%

Pesquisa ao Senado

Pesquisa Ibope divulgada nessa quarta-feira (22) aponta o senador Roberto Requião (MDP) na liderança na corrida pelo Senado Federal, com 40% das intenções de voto. Em seguida, o ex-governador Beto Richa (PSDB) aparece com 30%, seguido do ex-senador Flavio Arns (Rede), com 17%, na pesquisa estimulada, quando os entrevistados recebem uma lista com os nomes dos candidatos. Se as eleições fossem hoje, como neste ano são duas vagas no Senado, Requião e Richa estariam eleitos.

Ao todo, são 14 candidatos na disputa pelas vagas neste ano. Alex Canziani (PTB), tem 9%; Mirian Gonçalves (PT), 4%; Nelton (PDT), 3%; Rodrigo Reis (PRTB), 3%; Rodrigo Tomazini (PSOL), 3%; Compadre Luiz Adão (DC), 2%; e Zé Boni (PRTB), 2%. Os candidatos Gilson Mezarobba (PCO), Jacque Parmigiani (PSOL), Oriovisto Guimarães (PODE) e Roselaine Barroso (PATRI) tiveram 1% cada.

Esta é a primeira pesquisa ao Senado após os registros das candidaturas no TRE (Tribunal Regional Eleitoral).

A pesquisa foi encomendada pela RPC-TV. A margem de erro é de 3 pontos porcentuais para mais ou para menos. Foram ouvidos 1.008 eleitores de todas as regiões do Estado, com 16 anos ou mais de 19 a 21 de agosto. O registro no TRE é PR-04869/2018 e no TSE é BR-06574/2018. O nível de confiança utilizado é de 95%.