Ho’oponopono: uma ferramenta de cura para seus filhos

O Ho’oponopono é uma terapia de libertação havaiana que tem ajudado muitas pessoas a se livrar de lembranças perturbadoras e problemas que recorrem à mente de maneira incessante. Trata-se de uma técnica de limpeza, reconciliação e perdão que permite a libertação de lembranças e memórias perturbadoras e causadores de problemas. A terapia do  Ho’oponopono permite assim libertar a mente na sua busca pela paz de espírito e pelo equilíbrio. Trata-se de uma técnica de limpeza, reconciliação e perdão.

A palavra Ho’oponopono é formada pela junção de duas partes. Ho’o significa causa e ponopono significa perfeição. A junção dessas duas partes gera o seguinte significado: corrigir um problema, tornar certo o que está errado.

Quando nos tornamos pais adentramos por um caminho totalmente novo e desafiante. Cada novo dia diante deste papel adquirido pode ser uma oportunidade para nosso próprio autoconhecimento. Sim, os filhos têm este poder. De serem espelhos de comportamentos, sentimentos e atitudes que estão fora de nossa consciência.

Um filho doente causa bastante desconforto. Então, se os pais começam a limpar suas próprias memórias, isso pode ser influenciado positivamente na criança. Como os próprios pais estão olhando para suas questões inconscientes, que surgem como estas memórias e limpam-nas, as crianças não precisarão mais manifestar os sintomas para que os progenitores percebam estas memórias.

Quando usamos as 4 frases do Ho’oponopono (Eu te Amo. Sinto Muito. Me perdoe. Sou grato) limpamos ou purificamos todo e qualquer sentimento, comportamento, crença e sintoma relacionado à situação que nos causa desconforto.

Como praticar o ho’oponopono com os filhos?

Lembrem-se: as memórias surgem para serem libertadas. E as crianças fazem isso por nós, pois as memórias atuam através delas. Assim, ao identificar isto, comece a limpá-las, falando as seguintes frases para si mesmo: “Eu sinto muito. Me perdoe. Te amo. Sou grata”.

As frases podem ser ditas em silêncio ou voz alta. Não precisa falar diretamente para as crianças, mas, se sentir-se à vontade, pode fazê-lo também.

E mesmo se não houver nenhum sintoma em seus filhos, aplique o Ho’oponopono constantemente. Não há um número de vezes indicado, nem prazo. A ideia do método é que como temos muitas memórias acumuladas, a limpeza deve ser constante ou sempre que algo nos causar desconforto. Não precisamos esperar que elas se manifestem externamente para limpá-las. Elas já estão atuando a todo o momento em nossas vidas. Manter a limpeza constante nos ajuda a trazer as memórias para a consciência e, com isso, é possível evitar que se manifestem como sintomas.



Fale com a Redação

três × quatro =