Homem é preso por colocar ácido em pote de lubrificante em clube gay

Sem título.jpg

brde2

RIO ? Um homem de 62 anos foi preso sob acusação de ter enchido um pote de lubrificante com ácido clorídrico no clube Aarows, voltado para o público gay e bissexual em Sidney, na Austrália. Não há registro de feridos, já que os potes possuíam alarmes contra adulteração, por causa de casos semelhantes no passado.

O homem, que não teve a identidade revelada, foi acusado de crimes que incluem a administração de substância tóxica com a intenção de ferir ou causar dor, informou a BBC.

Um porta-voz da polícia disse ao jornal australiano ?Daily Telegraph? que os investigadores não estabeleceram uma motivação, mas não existem indícios de crime de ódio até o momento. O suspeito foi liberado sob fiança, mas deve comparecer perante à Justiça no próximo dia 20.

O Aarows se apresenta ao público como o ?primeiro centro social, recreativo e saudável, onde o sexo seguro é permitido, independentemente do gênero?. À emissora Australian Broadcasting, um frequentador classificou o ato como ?doentio?.

? Ácido clorídrico não é o melhor tipo de coisa para se brincar ? afirmou o frequentador, que preferiu não se identificar.

JK

Receba as principais notícias através do WhatsApp

ENTRAR NO GRUPO

Lembre-se: as regras de privacidade dos grupos são definidas pelo Whatsapp. Ao entrar seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.


Fale com a Redação