Porto Alegre – Jogar no fim de semana antes do duelo de ida da Copa Libertadores contra o Atlético Tucumán não fazia parte dos desejos do Grêmio. Tanto que o clube tentou de todas as formas antecipar o embate frente ao Paraná Clube pela 25ª do Brasileirão, mas o máximo que conseguiu foi o adiantamento em um dia: de domingo, às 19h, para sábado, às 16h.

O fato deixou a diretoria gremista bastante descontente, com direito a palavras de lamentação do presidente Romildo Bolzan: “pedimos a antecipação do jogo para quinta-feira. Aí botaram para sábado. E ainda com a insistência tremenda que fizemos com o tema, uma insistência muito forte, contatos telefônicos, formas de correspondência, ofertaram-nos o jogo no sábado de manhã. Aí acorda às 7 h, é uma nova forma de fisiologia, de planejar o jogo. Tudo isso acaba atrapalhando”, afirmou o mandatário do time gaúcho.