Mais quatro importantes colocações passaram a fazer parte da caminhada de sucesso trilhada pelos associados da Associação Cultural e Esportiva de Cascavel (ACEC). Isso porque, recentemente, os representantes da ACEC garantiram espaço em dois festivais: o 34º Concurso Brasileiro de Canção Japonesa, realizado em Curitiba, e o 16º Festival Brasileiro de Taiko, realizado em Serra Negra/SP, ambos durante o mês de julho.

Em Curitiba, o Concurso reuniu mais de 700 cantores de música japonesa de todo o país, representando estados como Amazonas, Bahia, Paraná, Mato Grosso e Rio de Janeiro, por exemplo. O evento, promovido pela Associação Brasileira da Canção, confirmou o talento da cascavelense Beatriz Matsumoto e conferiu a artista a quarta colocação na Categoria Coreografia e, também, a quinta colocação na Categoria Pop.

Em Serra Negra, o Festival Brasileiro de Taiko reuniu 16 grupos de São Paulo, Paraná, Goiás, Minas Gerais e Distrito Federal, nas categorias Mirim, Júnior, Livre, Master e Odaiko, além de uma categoria especial, com apresentação das equipes campeãs em 2018 nas Categorias Júnior e Livre.

Por lá, o grupo da ACEC conquistou o primeiro lugar na Categoria Mirim, composta por tocadores de até 12 anos de idade. Com o título, a equipe sagrou-se tetracampeã, visto que já havia conquistado a primeira colocação nos anos de 2014, 2016 e 2018.

Outro destaque foi o grupo da Categoria Júnior, composta por tocadores de até 18 anos de idade, que conquistou a terceira posição, repetindo o feito de 2018. Agora, a meta é trazer para Cascavel o título de campeão, visto que a Categoria Júnior, além de ganhar a primeira colocação no Festival, também representa o Brasil no Concurso Júnior de Taiko, realizado no Japão.

“Agora, continuaremos treinando ainda mais motivados para o Festival Brasileiro de 2020. Se levarmos o título no próximo ano, poderemos realizar o grande sonho da equipe, que é tocar no Japão”, destaca a coordenadora do Grupo Zenshin Daiko, Paula Inomata.

Para o presidente da ACEC, Adriano Hoshi, o reconhecimento obtido tanto no Festival de Taiko quanto no Concurso Brasileiro de Canção Japonesa, confirmam os bons resultados do trabalho que vem sendo desenvolvido na Associação.

“A ACEC tem como objetivo preservar e difundir a cultura japonesa. Ficamos muito felizes em ver que os representantes da Associação estão conquistando o reconhecimento pelos seus talentos e esforços. Esperamos continuar contando com o apoio da população de Cascavel e região para manter e fortalecer essas atividades”, enaltece Adriano.

Apresentações
Em Cascavel, o grupo Zenshin Daiko que recebe o apoio da Secretaria Especial da Cultura do Ministério da Cidadania do Governo Federal, por meio da Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, segue com os treinos e continua com a agenda aberta para apresentações locais. Para saber mais, basta entrar em contato com Paula Inomata, pelo telefone (45) 99914-7117.