COTIDIANO

Dia Mundial do Trânsito: ações buscam mais “conscientização”

05 de maio de 2022 às 08:29
Publicidade

 

Cascavel – Previstas na programação da Campanha do Maio Amarelo, mês destinado a reflexão e a responsabilidade de todos no trânsito, com foco na preservação da vida, uma série de ações estão programadas para ocorrer nesta quinta-feira (5), data dedicada ao “Dia Mundial do Trânsito”, visando reforçar a importância de algumas atitudes como o respeito aos limites de velocidade e aos pedestres e a “cortesia ao volante”.

A primeira ação do dia será educativa, das 8h30 às 9h30, no Cmei Pedro Dambros, no Bairro Alto Alegre. Em seguida, a partir das 10h às 12h, será realizada pela a Polícia Rodoviária Estadual, uma operação de blitz educativa, na PR-180, distrito de Rio do Salto, com os policiais fazendo abordagens de orientação os motoristas. Com foco nos motociclistas ocorrem duas ações: uma das 10h às 11h, na Rua Paraná, próximo à Rua Engenheiros Rebouças e outra, de Comando de Fiscalização para Motociclista, das 14h às 20h, conduzida pela Polícia Rodoviária Federal.

De acordo com Luciane de Moura, coordenadora do Cotrans (Comitê Intersetorial de Prevenção de Acidentes de Trânsito) de Cascavel e encarregada do setor de Educação e Cidadania da Transitar, a data foi proposta pela a ONU e Organização Mundial da Saúde para chamar a atenção para o alto número de mortos e feridos no trânsito, trabalhando ações com motociclistas, público que mais sofre com acidentes.

Segundo Luciana Moura, em todo o Paraná, foi definido por todos os municípios do Programa Vida no Trânsito que neste dia as cidades estariam fazendo atividades com este foco. “São ações educativas e o objetivo é de preservar vidas e de colocar a importância de usar equipamentos de segurança de forma correta, obedecer a sinalização e a velocidade da via, já que a principal causa de morte em Cascavel é a velocidade, assim como na maior parte dos municípios que fazem parte do programa”, reforçou a educadora.

 

Mais ações

Até o fim do mês diversas atividades serão desenvolvidas promovidas pelos parceiros da iniciativa, a companhia de trânsito municipal, a Transitar com apoio dos órgãos ligadas ao Sistema Nacional de Trânsito, com mais de 70 participantes envolvidos na organização e as ações vão ocorrer diariamente. O tema desta campanha é “Juntos Salvamos Vidas” e parte do princípio de que não colocar alguém em risco também é uma forma de salvar, de maneira que todos possam contribuir para proteger a vida.

As ações retornam depois de dois anos paradas devido a pandemia, deste movimento que começou a ser realizado há nove anos, com objetivo de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo.

 

Foto: Transitar

Detran lança “Movimento Salve 7 Vidas”

 

O Detran-PR (Departamento de Trânsito do Paraná) também realiza neste mês diversas ações de educação de trânsito dentro da campanha. O tema proposto pela Senatran (Secretaria Nacional de Trânsito) neste ano busca ressaltar que, com responsabilidade e dedicação, todos podem salvar vidas por meio das escolhas no trânsito.

No Paraná, o Maio Amarelo tem uma campanha pelas redes sociais do Detran e inúmeras ações presenciais. Pelas redes sociais a campanha tem como tema “Movimento Salve 7 Vidas – Por um trânsito com menos mortes por dia”. No Estado, por dia, sete pessoas perdem a vida no trânsito. A campanha propõe que para salvá-las vale a pena redobrar os esforços, ou melhor, multiplicá-los por sete. Desta forma, é possível transformar o dado negativo em um símbolo de vida, criando um movimento que une o Estado em torno da segurança e da consciência no trânsito.

Uma novidade nas ações deste ano é o Jogo Virtual – Instrutor Influenciador, voltado aos instrutores de trânsito dos cursos de reciclagem. A primeira fase começou nesta terça-feira (3), com uma live. A partir do conteúdo desta live, os instrutores criam conteúdo em suas contas do Instagram. A intenção é fazer com o que estes instrutores se aprofundem em assuntos e adquiram capacitação de uma maneira mais leve.

Cada conteúdo criado por eles contará pontos, que serão atualizados ao final das quatro lives. A pontuação é contabilizada por meio do engajamento, quantidade de curtidas, participação nas lives, entre outros. Os que tiverem a maior pontuação participarão de um desafio final, na Senatran, em Brasília.

 

Ilustração: Detran-PR

Participe do nosso grupo no WhatsApp

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE