Moradores da Comunidade Rio da Paz, no quilômetro cinco, interior de Cascavel, resolveram se unir em prol do meio ambiente. No último sábado, eles recolheram todo tipo de lixo, desde doméstico, entulhos, pedaços de carros até animais mortos. Além disso, fizeram uma pequena poda no mato na beira da Estrada Rio da Paz. Ao lado dos moradores, a Secretaria de Meio Ambiente ajudou com caminhões e maquinário.

“Tem bastante lixo, mais do que a gente esperava encontrar. Sempre tem gente descarregando lixo aqui, na comunidade. Pessoas trazendo animais e os abandonando, até bichos mortos são jogados aqui”, disse a arquiteta Ivanete Teixeira, que mora há 16 anos na localidade.

Segundo ela, os moradores, aos sábados, sempre tentam fazer uma ação voluntária para preservar a região.

Ivanete conta que uma semana antes foram instaladas as câmeras de segurança para identificar quem faz o descarte ilegal ali e também quem abandona animais. “Agora, com as câmeras, vamos conseguir identificar os autores e, com o Município, buscar as penalidades cabíveis. Outras vezes já conseguimos identificar as pessoas graças às correspondências encontradas no lixo. Depois elas foram multadas”, relata.

Já a moradora Sirlei Oliveira resumiu seu envolvimento na ação: “Amor e respeito à natureza, acima de tudo. Conscientização, pois nós dependemos do meio ambiente. O prejuízo não é só nosso, mas de todos. Temos que cuidar da nossa casa”, diz.