Ceasa Paraná recebe nesta quinta-feira (09) os dirigentes das Centrais de Abastecimento que integram a Associação Brasileira das Centrais de Abastecimento (Abracen) e, ainda, a Confederação Brasileira das Associações e Sindicatos de Comerciantes em Entreposto de Abastecimento (Brastece). A Ceasa é vinculada ao sistema da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento.

O encontro acontecerá na sede da Federação do Comércio do Paraná – Fecomércio. Na sexta-feira (10) os participantes farão uma visita técnica para conhecer os trabalhos e atividades na Ceasa Curitiba.

“Realizamos periodicamente essas reuniões para melhorarmos ainda mais as atividades do nosso comércio atacadista de hortigranjeiros”, diz Éder Eduardo Bublitz, diretor-presidente da Ceasa Paraná e atual vice-presidente da Abracen. “A troca de informações e dos trabalhos entre as respectivas áreas técnicas nos ajudam a aprimorar a comercialização dos nossos mercados”.

O vice-governador Darci Piana e o vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, devem participar da abertura do evento. O secretário estadual da Agricultura e do Abastecimento, Norberto Ortigara, e o diretor-presidente do Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná (IDR-PR), Natalino Avance de Souza, farão palestras sobre o panorama da agricultura e da extensão rural do Paraná.

CEASA EM NÚMEROS – Operam nas cinco Ceasas do Paraná (Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel e Foz do Iguaçu) 740 empresas permissionárias, sendo 624 ligadas diretamente ao atacado de hortigranjeiros e flores. Estão cadastrados junto aos Mercados de Produtores dessas unidades 6.934 agricultores – 1.851 ativos – que negociam diretamente suas produções em espaços próprios.

São comercializados, em média por ano, através das Ceasas do Paraná, cerca de 1,2 milhão de toneladas de hortigranjeiros. A unidade de Curitiba responde por 65% do volume total (702 mil toneladas), seguida por Londrina, com 13,5%; Maringá, com 10,2%; Foz do Iguaçu, com 6,1%; e Cascavel, com 5,2%. Em 2020 as cinco unidades movimentaram R$ 3.234.410.276,11.

Circulam diariamente nos mercados atacadistas, em média, cerca de 12 mil veículos e 26 mil pessoas, entre permissionários, agricultores, comerciantes, empregados e autônomos, que ajudam a gerar 20 mil empregos diretos e outros 53 mil empregos indiretos.

ABRACEN – A Associação Brasileira das Centrais de Abastecimento foi criada em 1986 para servir como um sistema que une as diversas Ceasas do Brasil. Atualmente a entidade conta com 23 associados, que representam mais de 60 mercados atacadistas do país. O atual presidente da Abracen é Gustavo Henrique de Andrade, que dirige a Ceasa Pernambuco.

Serviço

9 de dezembro – quinta-feira

9 horas – Abertura na Fecomércio – Rua Visconde do Rio Branco, 931, Mêrces

14 horas – Reuniões e palestras sobre o momento atual das Ceasas do Paraná.

10 de dezembro – sexta-feira

9 horas – Visita técnica à Ceasa Curitiba – BR 116, km 111, Tatuquara.

10h30 – Reunião da Abracen no Centro de Eventos da Ceasa.

10h30 – Reunião conjunta Abracen/Brastece no Centro de Eventos da Ceasa.

(AEN)